Apresentação do Dossiê Formação de Professores Alfabetizadores: políticas, saberes e práticas

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14244/198271996313

Palavras-chave:

Formação de Professores Alfabetizadores, Políticas, Saberes, Práticas.

Resumo

Dossiê Formação de Professores Alfabetizadores: políticas, saberes e práticas.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Ilsa do Carmo Vieira Goulart, Universidade Federal de Lavras (UFLA)

Pós-doutorado em Educação pela Universidade de Barcelona e Universidade Autònoma de Barcelona. Doutora em Educação pela Faculdade de Educação da Universidade Estadual de Campinas. Professora do Departamento de Gestão Educacional, Teorias e Práticas de Ensino e Professora Permanente do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal de Lavras.

Giovanna Rodrigues Cabral, Universidade Federal de Lavras (UFLA)

Doutora em Educação pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (2015). Professora do Departamento de Gestão Educacional, Teorias e Práticas de Ensino da Universidade Federal de Lavras e Professora Permanente do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal de Lavras.

Referências

ALARCÃO, Izabel. Escola reflexiva e nova racionalidade. Porto Alegre: Artmed Editora, 2001.

ALBUQUERQUE, Eliana Borges Correia. Conceituando alfabetização e letramento. In: SANTOS, Carmi Ferraz. Alfabetização e letramento: conceitos e relações / organizado por Carmi Ferraz Santos e Márcia Mendonça. 1ed., 1reimp. – Belo Horizonte: Autêntica, 2007.

AZEVEDO, Sérgio de. Políticas públicas: discutindo modelos e alguns problemas de implementação. In: SANTOS JÚNIOR, Orlando A. Dos (et al.). Políticas públicas e gestão local: programa interdisciplinar de capacitação de conselheiros municipais. Rio de Janeiro: FASE, 2003.

BRASIL. LDB - Lei nº 9394/96, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Brasília: MEC, 1996.

BRASIL. [Constituição (1988)]. Constituição da República Federativa do Brasil de 1988. Brasília, DF: Presidente da República, [2016].

BRASIL/INEP. Avaliação Nacional da Alfabetização (ANA): documento básico. Brasília: Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, 2013.

BRASIL. Base Nacional Comum Curricular (BNCC). Educação é a Base. Brasília, MEC/CONSED/UNDIME, 2017.

BRASIL. Decreto nº 9.765, de 11 de abril de 2019. Institui a Política Nacional de Alfabetização. Diário Oficial da União, Brasília: MEC/SEB, 2019.

CANDAU, Vera Maria. Ensinar e aprender: sujeitos, saberes e pesquisa. Rio de Janeiro: DP&A Editora, 2000.

CURY, Carlos Roberto Jamil. Direito à educação: direito à igualdade, direito à diferença. Cadernos de Pesquisa, São Paulo, n.116, p.245-262, jun. 2002.

CRUZ, Magna do Carmo Silva. Currículo no ciclo de alfabetização: ampliando o direito de aprendizagem a todas as crianças. In: BRASIL. Secretaria da Educação Básica. Diretoria de Apoio à Gestão educacional. Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa: currículo no clico de alfabetização, consolidação e aprimoramento do processo de ensino e aprendizagem. Ano 2. Unidade I. Brasília: MEC/ SEB, 2012.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da Autonomia: saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Paz e Terra, 1996.

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Censo 2010.

IMBERNON, Francisco. Formação Docente Profissional: formar-se para a mudança e a incerteza. 4. ed. São Paulo: Cortez, 2011.

INEP. Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira. Avaliação Nacional da Alfabetização ANA – Documento Básico, Edição 2016. Brasília: 2017.

GOULART, Ilsa do Carmo Vieira. Linguagem, dialogicidade e docência: o processo de formação em atos. Revista Diálogo Educacional, Curitiba, v. 16, n. 49, p. 705-726, jul./set. 2016.

KLEIMAN, Ângela. (org) Os significados do letramento: uma nova perspectiva sobre a prática social da escrita. Campinas: Mercado de Letras, 1995.

NÓVOA, António (org.). Os professores e a sua formação. Lisboa: Publicações Dom Quixote- Instituto Inovação Educacional, 1995.

NÓVOA, António. Formação de professores e trabalho pedagógico. Lisboa: Educa, 2002.

PERRENOUD, Philippe. Construir as competências desde a escola. Porto Alegre: Artmed, 1999.

PERRENOUD, Philippe. 10 novas competências para ensinar: convite à viagem. Tradução Patrícia Chittoni Ramos. Porto Alegre: Artes Médicas Sul, 2000.

PERRENOUD, Philippe. A prática reflexiva no ofício de professor: profissionalização e razão pedagógica. Porto Alegre: Editora Artmed, 2002.

SCHÖN, Donald A. Educando o profissional reflexivo: um novo design para o ensino e a aprendizagem. Tradução Roberto Cataldo Costa. Porto Alegre: Artes Médicas Sul, 2000.

SOARES, Magda Backer. Letramento: um tema em três gêneros. Belo Horizonte: Autêntica, 1998.

TARDIF, Maurice. Saberes docentes e formação profissional. Petrópolis: Vozes, 2002.

Downloads

Publicado

10-04-2023

Como Citar

GOULART, I. do C. V. .; CABRAL, G. R. . Apresentação do Dossiê Formação de Professores Alfabetizadores: políticas, saberes e práticas. Revista Eletrônica de Educação, [S. l.], v. 17, p. e6313002, 2023. DOI: 10.14244/198271996313. Disponível em: https://www.reveduc.ufscar.br/index.php/reveduc/article/view/6313. Acesso em: 17 jul. 2024.

Edição

Seção

Dossiê Formação de professores alfabetizadores: políticas, saberes e práticas
##plugins.generic.dates.received## 2023-01-18
##plugins.generic.dates.published## 2023-04-10

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)