Devolutiva de egressos de um mestrado profissional por meio de uma plataforma virtual

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14244/198271995928

Palavras-chave:

Egresso, Mestrado Profissional, Saúde Coletiva.

Resumo

Uma preocupação comum das instituições de ensino é receber o retorno do que foi ofertado na visão de quem passou pelo curso. A continuidade do contato com o egresso propicia essa relação. Assim objetiva-se nesse estudo descrever o efeito do mestrado na vida profissional e pessoal do egresso e obter um feedback frente ao curso ofertado. Trata-se de um estudo descritivo exploratório de abordagem mista. Para o desenvolvimento da pesquisa foi realizado um convite por meio de uma plataforma virtual a 92 egressos titulados Mestres em Saúde Coletiva da Universidade Federal de Goiás, das turmas 3, 4, 5 e 6, referente aos anos 2013, 2014, 2016 e 2017. O aceite a participar implicou-se em conhecer a plataforma e alimenta-la com valiosas informações que só o egresso possui. Ao final demonstrou-se por meio da análise e de teste estatísticos a consistência da ferramenta utilizada para o acompanhamento dos egressos, visando uma coleta de dados que não só atendeu às orientações da Capes, mas também forneceu informações adequadas para o bom desempenho do Programa. Portanto, com o desenvolvimento desta pesquisa e a adesão a plataforma utilizada, espera-se contribuir significativamente com melhorias na qualidade do curso ofertado pelo Mestrado Profissional em Saúde Coletiva.



Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Kelly de Oliveira Galvão da Silva, Universidade Federal de Goiás (UFG)/Laboratório de Saúde Pública Dr. Giovanni Cysneiros (LACEN-GO)

Biomédica com experiência em análises clínicas, micologia, bacteriologia e preceptoria acadêmica. Micologista e Bacteriologista do departamento de Microbiologia Médica do Laboratório Estadual de Saúde Pública Dr. Giovanni Cysneiros (LACEN-GO). Preceptora do Programa de Residência em Área Profissional da Saúde (Atenção Clínica Especializada, Modalidade Multiprofissional, Área de Concentração em Infectologia) sediado no Hospital Estadual de Doenças Tropicais Dr. Anuar Auad (HDT) e no LACEN-GO. Atuou como Avaliadora nos Seminário de Avaliação de projetos do Programa PPSUS, pela Fundação de Amparo à Pesquisa (FAPEG). Atualmente, é pesquisadora vinculada à Universidade Federal de Goiás com o projeto "Diferentes estratégias de diferenciação espécie-específica entre Candida albicans e Candida dubliniensis". Possui graduação em Biomedicina pela Pontifícia Universidade Católica de Goiás (2004). Pós-graduada em Microbiologia (2010) pela Universidade Federal de Goiás, Gestão do trabalho e da educação em saúde (2015) pela Universidade Estadual de Goiás e Banco de sangue e hematologia clínica (2017) pela Faculdade UNYLEYA. Mestre em Saúde Coletiva (2020) pela Universidade Federal de Goiás e Doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Medicina Tropical e Saúde Pública pela Universidade Federal de Goiás.

Ellen Synthia Fernandes de Oliveira, Universidade Federal de Goiás (UFG)

Possui graduação em Ciências Biológicas modalidade médica pela Universidade Federal de Goiás (UFG), mestrado em Biologia pela UFG, doutorado em Patologia Molecular e Saúde pela Faculdade de Medicina da Universidade de Brasília, Pós-doutorado em Saúde Coletiva pela Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), São Paulo e Pós-doutorado em Educação pela Universidade de Aveiro-Portugal. Atualmente é professora Titular do Instituto de Ciências Biológicas (ICB/UFG), docente do quadro permanente do Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva do Instituto de Patologia Tropical e Saúde Pública (IPTSP/UFG). É professora na graduação desde 1993 na área da saúde com projetos na linha de promoção e educação em saúde e prevenção e vigilância em saúde. Tem experiência no ensino e extensão nos cursos de graduação nas disciplinas de Histologia e Embriologia e na pós-graduação na disciplina de Metodologia e Pesquisa Qualitativa em Saúde e análise de dados qualitativos. Tem várias publicações na área da pesquisa qualitativa em parceria com a Unicamp e Escola Superior de Enfermagem de Lisboa (ESEL). Membro da Comissão Científica do Congresso Ibero-Americano em Investigação Qualitativa (CIAIQ) e membro do Conselho Editorial da Ludomedia/Aveiro-Portugal.

Referências

AVARISTO, J. A. C. O desenvolvimento de competências profissionais: um levantamento com os egressos de um curso de mestrado profissional do campo de públicas. Universidade Federal de São Carlos Centro de Educação E Ciências Humanas (CECH) Programa de Pós-Graduação em Gestão de Organizações e Sistemas Públicos, São Paulo [Dissertação] 2019. Disponível em: https://repositorio. ufscar.br/hándle/ufscar/11413?show=full. Acesso em: 04 jan. 2020.

BARATA, R. B. Avanços e desafios do mestrado profissionalizante. In: LEAL, M. C.; and FREITAS, C. M. (Orgs.). Cenários possíveis: experiências e desafios do mestrado profissional na saúde coletiva [online]. Rio de Janeiro: Editora FIOCRUZ, 2006. 284 p. ISBN 85- 7541-083-0. Disponível em: http://books.scielo.org/id/sp. Acesso em: 01 fev. 2020.

BARDIN, L. Análise de conteúdo. Lisboa: Edições 70; 2011.

CAPES. Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Cadernos CAPES - Plano Nacional de Pós-Graduação (PNPG) 2011-2020 – Vl. I, 2010. Disponível em: http://www.capes.gov.br/sobre-a-capes/plano-nacional-de-pos-graduacao/pnpg-2011-2020. Acesso em: 15 fev. 2020.

CAPES. Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Sala de Imprensa. Notícias. Mudanças na ficha de avaliação valorizam qualidade dos programas. 2019. Disponível em: http://www.capes.gov.br/sala-de-imprensa/noticias/9370-mudancas-naficha-de-avaliacao-valorizam-qualidade-dos-programas. Acesso em: 20 de mar. 2020.

CHAUÍ, M. Cultura e democracia: o discurso competente e outras falas. In: CHAUÍ, M. Cultura do povo e autoritarismo das elites / Notas sobre cultura popular, Cap. 3 e 4, p. 49-79. 13ª ed., SP: Cortez, 2011. ISSN 1999-8104.

CHIAVENATTO, I. Gestão de pessoas: o novo papel dos recursos humanos nas organizações. Rio de Janeiro: Editora Campus. 1999.

DESIDERIO, T. M. P. Desenvolvimento de metodologia de Avaliação de egressos de um programa de mestrado em pesquisa clínica, Botucatú SP, 2019 [tese]. DOI: https://doi.org/10.36517/resdite.v4.n2.2019.res2. Disponível em: http://www.periodicos.ufc.br/resdite/article/view/42295. Acesso em: 02 abr. 2020.

DITTERICH, R. G.; MOYSES, S. T.; MOYSES, S. J. O uso de contratos de gestão e incentivos profissionais no setor público de saúde. Cad. Saúde Pública, Rio de Janeiro, v. 28, n. 4, p. 615-625, Apr. 2012. DOI https://doi.org/10.1590/S0102-311X2012000400002. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo. php?script=sci _arttext&pid=S0102-311X2012000400002&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 30 jul. 2020.

GIL, A. C. Métodos e Técnicas de Pesquisa Social. São Paulo: Atlas, 1987.

HAIR JUNIOR, F.; ANDERSON, R. E.; TATHAM, R. L.; BLACK, W. C. Análise multivariada de dados. Porto Alegre: Bookman, 2005. 600p. Disponível em: https://www.bdpa.cnptia.embrapa.br/consulta/busca?b=ad&biblioteca=vazio&busca=autoria:%22BLACK,%20W.C.%22. Acesso em: 31 jul. 2020.

HORA, H. R. M.; MONTEIRO, G. T.; ARICA, J. Confiabilidade em Questionários para Qualidade: Um Estudo com o Coeficiente Alfa de Cronbach. Produto & Produção, vol. 11, n. 2, p. 85 – 103. jun. 2010.

LIMA, L. A.; ANDRIOLA, W. B. Acompanhamento de egressos: subsídios para a avaliação de Instituições de Ensino Superior (IES). Avaliação: Revista da Avaliação da Educação Superior (Campinas), v. 23, p. 104-125, 2018. Disponível em: https://doi.org/10.1590/s1414-40772018000100007. Acesso em: 25 ago. 2020.

MATTHIENSEN, A. Uso do Coeficiente Alfa de Cronbach em Avaliações por Questionários. Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária – EMBRAPA. Centro de Pesquisa Agroflorestal de Roraima Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Boa Vista, dezembro, 31 p., 2011. Documentos 48. Disponível em: https://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/bitstream/doc/936813/1/DOC482011ID112.pdf. Acesso em: 2 maio 2020.

MENEZES, F.; PAULA, X. A. Development, Validation, and Reliability Testing of the Brief Instrument to Assess Workers› Productivity during a Working Day (IAPT). 2018. Review of Business Management. 20. 232-247. mar. 2018. DOI 10.7819/rbgn.v20i2.3764.

NUCLEO DE ESTUDOS EM SAUDE COLETIVA (NESC). Sobre o NESC. 2014. Disponível em https://nesc.ufg.br/p/216-sobre-o-nesc. Acesso em: 03 mar. 2020.

PESCE, L; ABREU, C. B. M. pesquisa qualitativa: considerações sobre as bases filosóficas e os princípios norteadores. Revista da FAAEBA – Educação e Contemporaneidade, v.22 n. 40 (2013). Disponível em DOI: https://doi.org/10.21879/faeeba2358-0194.v22.n40. Acesso em: 20 fev. 2020.

SOARES, F. P. Instituição de um sistema eficaz para o acompanhamento de egressos de programas de pós-graduação: O egresso como referência para a autoavaliação do PPGACL. Universidade Federal de Juiz de Fora, MG, 2019. Disponível em: http://repositorio.ufjf.br:8080/jspui/bitstream/ufjf/10951/1/flavianapolissenisoares.pdf Acesso em: 20 mar. 2020.

SHAVELSON, R. J. Biographical Memoirs: Lee J. Cronbach. Proceedings of the American Philosophical Society, v.147, n.4, p.379-385, 2003.

SCHUSTER, M. S.; DIAS, V. V. Plano de carreira nos sistemas de gestão público e privado: Uma discussão a luz das teorias motivacionais. UFSM/ UNIPAMPA, RAIMED - Revista de Administração IMED, 2 (1), 1 - 17, 2012.

Statistical Software for Social Sciences (SPSS) FAQ: What does Cronbach's alpha mean? http://www.ats.ucla.edu/stat/spss/faq/alpha.html. Acesso em: 7 de jul. 2020.

TEIXEIRA, G. C. D. S.; MACCARI, E. A. Proposição de um portal de egresso (Alumni) baseado em benchmarking e processo inovador. In: International Conference on Information Systems and Technology Management – CONTECSI, 11, 2014, São Paulo. Anais […]. São Paulo: USP, 2014. p. 2629-2647.

VIEIRA, S. Alfa de Cronbach. 2016. Disponível em: https://www.profasoniavieira.wixsite.com/estatistica. Acesso em: 10 ago. 2020.

VIGGIANO, J. Cinco passos para garantir uma amostra representativa e estimar com precisão a sua população. Disponível em: https://pt.surveymonkey.com/mp/sample-size/. Acesso em: 06 jun. 2020.

WILLIAMS, R. A Cultura é de Todos (Culture is Ordinary), 1958. Trad. Maria Elisa Cevasco. Departamento de Letras. USP. Disponível em: https://theav.weebly.com/uploads/8/4/7/3/8473020/1958_aculturaedetodos_raymondwilliams.pdf. Acesso em: 21 ago. 2020.

Downloads

Publicado

09-12-2023

Como Citar

SILVA, K. de O. G. da .; OLIVEIRA, E. S. F. de . Devolutiva de egressos de um mestrado profissional por meio de uma plataforma virtual. Revista Eletrônica de Educação, [S. l.], v. 17, p. e5928081, 2023. DOI: 10.14244/198271995928. Disponível em: https://www.reveduc.ufscar.br/index.php/reveduc/article/view/5928. Acesso em: 1 mar. 2024.

Edição

Seção

Demanda Contínua - Artigos
##plugins.generic.dates.received## 2022-05-09
##plugins.generic.dates.accepted## 2023-10-16
##plugins.generic.dates.published## 2023-12-09