Discursos sobre as ciências humanas no bolsonarismo: da repetição à prática

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14244/198271994524

Palavras-chave:

Análise do discurso, Ciências humanas, Poder político, Bolsonarismo.

Resumo

Neste artigo, analisam-se discursos sobre as Ciências Humanas no esteio do movimento social e político denominado de bolsonarismo. O intento é relacionar a repetição de determinadas verdades acerca dessa área do conhecimento com a prática que se revela em ataques institucionais para minimizar esse campo do saber e os sujeitos que nele atuam. Para tanto, busca-se respaldo teórico na perspectiva de Michel Foucault acerca do enunciado, do discurso, da prática discursiva, da formação discursiva, do poder, do saber e da verdade. O corpus de análise percorre diversos enunciados produzidos pelo presidente Bolsonaro, os ex-ministros da Educação e demais apoiadores, os quais tiveram repercussão na mídia digital. Trata-se de um estudo descritivo-qualitativo, cuja abordagem segue um viés predominantemente qualitativo. A análise possibilita entrever que a repetição de discursos desfavoráveis às Ciências Humanas revela um projeto de poder autoritário e unilateral que objetiva, sobretudo, minar a emergência de um sujeito crítico que possa contrariar as vontades de verdade da prática discursiva bolsonarista. Na medida em que concebe esse campo do saber como um alvo a ser atingido, como um inimigo em potencial, o projeto bolsonarista se propõe a descaracterizar as pesquisas das Ciências Humanas junto à opinião pública e, com isso, sucatear as instituições de ensino e precarizar a pesquisa científica.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Alison Sullivan de Sousa Alves, Universidade Federal Rural do Semi-Árido

Mestrando em Ensino pelo Pós-Graduação em Ensino (POSENSINO) da associação entre a Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN), a Universidade Federal Rural do Semi-Árido (UFERSA) e o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN).

Francisco Vieira da Silva, Universidade Federal Rural do Semi-Árido (UFERSA)

Doutor em Linguística pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Docente da Universidade Federal Rural do Semi-Árido (UFERSA) Programa de Pós-Graduação em Letras (PPGL) da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) e do Programa de Pós-Graduação em Ensino (POSENSINO) da associação entre a Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN), a Universidade Federal Rural do Semi-Árido (UFERSA) e o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN).

Referências

AGOSTINI, Renata. MEC cortará verba de universidade por ‘balbúrdia’ e já enquadra UnB, UFF e UFBA. O Estado de S. Paulo, 2019. Disponível em: <https://educacao.estadao.com.br/noticias/geral,mec-cortara-verba-de-universidade-por-balburdia-e-ja-mira-unb-uff-e-ufba,70002809579> Acesso em: 02 jul. 2020.

AMARAL, Luciana. Weintraub deixa saldo negativo e projeto sem perspectiva no Congresso. UOL, 2020. Disponível em: <https://noticias.uol.com.br/politica/ultimas-noticias/2020/06/25/weintraub-deixa-saldo-negativo-e-projeto-sem-perspectiva-no-congresso.htm> Acesso em: 02 jul. 2020.

AVANÇA a perseguição ideológica às Ciências Humanas e Sociais. Associação Brasileira de Ciência Política, 2020. Disponível em: <https://cienciapolitica.org.br/noticias/2020/04/avanca-perseguicao-ideologica-ciencias-humanas-e-sociais> Acesso em: 01 jul. 2020.

BOLSONARISTAS não querem Paulo Freire patrono da educação. Istoé, 2019. Disponível em: <https://istoe.com.br/bolsonaristas-nao-querem-paulo-freire-patrono-da-educacao/> Acesso em: 02 jul. 2020.

BOLSONARO critica Paulo Freire, e Twitter lembra que ‘energúmeno’ é referência mundial em educação. HuffPost, 2019. Disponível em: <https://www.huffpostbrasil.com/entry/paulo-freire-energumeno_br_5df7d8fae4b0ae01a1e51db2> Acesso em: 02 jul. 2020.

BOLSONARO diz que jovem brasileiro tem “tara” por formação superior. Exame, 2018. Disponível em: <https://exame.com/brasil/bolsonaro-diz-que-jovem-brasileiro-tem-tara-por-formacao-superior/> Acesso em: 30 jun. 2020.

BORGES, Helena. Bolsonaro defende cortes em cursos de Humanas e diz que dinheiro do contribuinte deve ir para ‘leitura, escrita e fazer conta’. O Globo, 2019. Sociedade. Disponível em: <https://oglobo.globo.com/sociedade/bolsonaro-defende-cortes-em-cursos-de-humanas-diz-que-dinheiro-do-contribuinte-deve-ir-para-leitura-escrita-fazer-conta-23623980> Acesso em: 02 jul. 2020.

CAFARDO, Renata. Ao avançar no ensino domiciliar, Bolsonaro prioriza 7 mil em vez de trabalhar para 45 milhões. Terra, 2019. Disponível em: <https://www.terra.com.br/noticias/educacao/ao-avancar-no-ensino-domiciliar-bolsonaro-prioriza-7-mil-em-vez-de-trabalhar-para-45-milhoes,90ffd9f6c72da49b96570fc30aaf39f33s9vyad2.html> Acesso em: 01 jul. 2020.

CARLOS Bolsonaro diz que Humanas ensinam ‘como dar a rosca sem dor’. Catraca Livre, 2019. Disponível em: <https://catracalivre.com.br/cidadania/carlos-bolsonaro-diz-que-humanas-ensinam-como-dar-a-rosca-sem-dor/> Acesso em: 01 jul. 2020.

CHARLOT, Bernard. A questão antropológica na Educação quando o tempo da barbárie está de volta, Educ. rev. Curitiba, v. 35 n.73, jan./fev. 2019.

CURCINO, Luzmara. “Conheceis a verdade e elas vos libertará: livros na eleição presidencial de Bolsonaro, Discurso & Sociedad, Santiago, v. 13, n.3, p. 468- 494, 2019.

ERNESTO, Marcelo. Entenda a briga entre olavistas e militares no governo Bolsonaro. Estado de Minas, 2019. Disponível em: <https://www.em.com.br/app/noticia/politica/2019/05/07/interna_politica,1051683/entenda-a-briga-entre-olavistas-e-militares-no-governo-bolsonaro.shtml> Acesso em: 02 jul. 2020.

FIGUEIREDO, Patrícia. Bolsonaro mente ao dizer que Haddad criou o ‘kit gay’. El País, 2018. Disponível em: <https://brasil.elpais.com/brasil/2018/10/12/politica/1539356381_052616.html> Acesso em: 02 jul. 2020.

FOUCAULT, Michel. A Arqueologia do Saber. 7. ed. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2008.

FOUCAULT, Michel. Microfísica do Poder. Rio de Janeiro: Ed. Graal, 1998.

GESTORES educacionais criticam falta de orientação do MEC durante a pandemia. Agência Câmara de Notícias, 2020. Disponível em: <https://www.camara.leg.br/noticias/657705-gestores-educacionais-criticam-falta-de-orientacao-do-mec-durante-a-pandemia/> acesso em: 02 jul. 2020.

GIACOMONI, Marcelo Paniz.; VARGAS, Anderson Zalewski. Foucault, a Arqueologia do Saber e a Formação Discursiva. Veredas, Juiz de Fora, v. 14, n. 2, p. 119-129, fev/2010. Disponível em: <https://periodicos.ufjf.br/index.php/veredas/article/view/25129> Acesso em: 01 jul. 2020.

GOVERNO Bolsonaro corta recursos da educação básica. Rede Brasil Atual, 2019. Disponível em: <https://www.redebrasilatual.com.br/educacao/2019/07/governo-bolsonaro-corta-recursos-da-educacao-basica/> Acesso em: 02 jul. 2020.

JANARY JUNIOR; SILVEIRA, Wilson. Projeto revoga lei que declarou Paulo Freire patrono da educação. Agência Câmara de Notícias, 2019. Disponível em: <https://www.camara.leg.br/noticias/558470-projeto-revoga-lei-que-declarou-paulo-freire-patrono-da-educacao/> Acesso em: 02 jul. 2020.

KLEM, Bruna Sultz. PEREIRA, Mateus; ARAÚJO, Valdei. (Org.). Do fake ao fato: (des) atualizando Bolsonaro. Vitória: Milfontes, 2020.

MACHADO, Roberto. Por uma Genealogia do Poder. In.: FOUCAULT, Michel. Microfísica do Poder. Rio de Janeiro: Ed. Graal, 1998.

MARTINS, Maria do Carmo. Reflexos reformistas: o ensino das humanidades na ditadura militar brasileira e as formas duvidosas de esquecer, Educ. rev. Curitiba, n. 51, p. 37-50, jan./mar. 2014.

MENEZES, Dyelle; PERA, Guilherme. “É a maior revolução na área de ensino no país dos últimos 20 anos”, diz ministro. Gov.br, 2019. Disponível em: <http://portal.mec.gov.br/ultimas-noticias/12-acoes-programas-e-projetos-637152388/83511-e-a-maior-revolucao-na-area-de-ensino-no-pais-dos-ultimos-20-anos-diz-ministro> Acesso em: 02 jul. 2020.

MINISTRO Vélez diz que vai revisar livros didáticos sobre golpe de 64 e ditadura. G1, 2019. Disponível em: <https://g1.globo.com/jornal-nacional/noticia/2019/04/04/ministro-velez-diz-que-vai-revisar-livros-didaticos-sobre-golpe-de-64-e-ditadura.ghtml> Acesso em: 02 jul. 2020.

ORDINE, Nuccio. A utilidade do inútil: um manifesto. Trad. Luiz Bombassaro. Rio de Janeiro: Zahar, 2016.

‘OLAVISTAS’ acusam militares de sabotagem e de isolar o ministro da Educação. Gazeta do Povo, 2019. Disponível em: <https://www.gazetadopovo.com.br/educacao/olavistas-acusam-militares-de-sabotagem-e-de-isolar-o-ministro-da-educacao-6s7bb3fxu0ji5d76moblcpxhp/> Acesso em: 02 jul. 2020.

‘OLAVISTAS’ e militares estão entre os grupos que brigam por poder no Ministério da Educação. Itatiaia, 2019. Disponível em: <https://www.itatiaia.com.br/noticia/olavistas-emilitaresestao-entre-os-grupos-que> Acesso em: 02 jul. 2020.

OLIVEIRA, Rodrigo Perez. O negacionismo científico olavista: a radicalização de um certo regime epistemológico. In: KLEM, B. S.; PEREIRA, M.; ARAÚJO, V. (Org.). Do fake ao fato: (des) atualizando Bolsonaro. Vitória: Milfontes, 2020. p. 81-100.

ORGIS, Guido. O que o MEC pode fazer além de discutir o ‘olavismo’. Gazeta do Povo, 2019. Disponível em: <https://www.gazetadopovo.com.br/vozes/guido-orgis/o-que-o-mec-pode-fazer-alem-de-discutir-o-olavismo/> Acesso em: 02 jul. 2020.

PAULO Freire é declarado patrono da educação brasileira. Agência Senado, 2012. Sanções/Vetos. Disponível em: <https://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2012/04/16/paulo-freire-e-declarado-patrono-da-educacao-brasileira> Acesso em: 02 jul. 2020.

PROPOSTA DE PLANO GOVERNO DE JAIR BOLSONARO. O caminho da prosperidade, 2018. Disponível em: <http://divulgacandcontas.tse.jus.br/candidaturas/oficial/2018/BR/BR/2022802018/280000614517/proposta_1534284632231.pdf>. Acesso em: 05 jul. 2020.

PRATA, Pedro. Propostas para a educação: o que já foi feito pelo governo Bolsonaro? O Estado de S. Paulo, 2019. Disponível em: <https://politica.estadao.com.br/noticias/geral,propostas-para-a-educacao-o-que-ja-foi-feito-pelo-governo-bolsonaro,70002857514> Acesso em: 02 jul. 2020.

REZENDE, Costança. Weintraub: 'Não quero sociólogo, antropólogo e filósofo com meu dinheiro', Uol, 2020.Disponível em <https://noticias.uol.com.br/colunas/constanca-rezende/2020/06/14/weintraub-nao-quero-sociologo-antropologo-e-filosofo-com-meu-dinheiro.htm>. Acesso em 07 jul. 2020.

ROCHA, Gessyca. Vélez teve a terceira gestão mais curta no MEC desde 1985; veja lista com todos os ministros. G1, 2019. Disponível em: <https://g1.globo.com/educacao/noticia/2019/04/08/velez-teve-a-terceira-gestao-mais-curta-no-mec-desde-1985-veja-tempo-de-gestao-de-todos-os-ministros.ghtml> Acesso em: 01 jul. 2020.

SALDAÑA, Paulo. Em meio a pandemia, governo Bolsonaro investe contra pesquisa em ciências humanas. Folha de S. Paulo, 2020. Disponível em: <https://www1.folha.uol.com.br/educacao/2020/03/em-meio-a-pandemia-governo-bolsonaro-investe-contra-pesquisa-em-ciencias-humanas.shtml> Acesso em: 01 jul. 2020.

SALDAÑA, Paulo. Gestão de Weintraub no MEC foi marcada por ataques e projetos parados. Folha de S. Paulo, 2020. Disponível em: <https://www1.folha.uol.com.br/educacao/2020/06/gestao-de-weintraub-no-mec-foi-marcada-por-ataques-e-projetos-parados.shtml> Acesso em: 01 jul. 2020.

SANTOS, Fabiano, TANSCHEIT, Talita. Quando velhos atores saem de cena: a ascensão da nova direita política no Brasil, Colomb.int, Bogotá, n.99,p. 151-186, jul/sep. 2019.

SEIXAS, Rodrigo. A retórica da pós-verdade: o problema das convicções. EID&A, Ilhéus, n. 18, p. 122-138, abr./2019. Disponível em: Acesso em: 03 jun. 2020.

SIMON, Rodrigo. Novos critérios da Capes vão cortar bolsas até de cursos de excelência. Folha de S. Paulo, 2020. Disponível em: <https://www1.folha.uol.com.br/ciencia/2020/03/novos-criterios-da-capes-vao-cortar-bolsas-ate-de-cursos-de-excelencia.shtml> Acesso em: 01 jul. 2020.

SOUZA, Isabela. Projeto Escola Sem Partido: argumentos contra e a favor. Politize. 2018. Disponível em: <https://www.politize.com.br/projeto-escola-sem-partido/> Acesso em: 02 jul. 2020.

VEJA. Vídeo completo: a reunião de Bolsonaro com Ministros em 22 de abril. 2020. (1h32m40s). Disponível em: <https://www.youtube.com/watch?v=nfgv7DLdCqA> Acesso em: 15 jun. 2020.

VEJA. Universidades com ‘balbúrdia’ terão verbas reduzidas, diz Weintraub, 2019. Disponível em: <https://veja.abril.com.br/brasil/universidades-com-balburdia-terao-verbas-reduzidas-diz-weintraub/>. Acesso em: 05 jun. 2020.

VILELA, Pedro Rafael. Bolsonaro anuncia Carlos Decotelli como novo ministro da Educação. Agência Brasil, 2020. Política. Disponível em: <https://agenciabrasil.ebc.com.br/politica/noticia/2020-06/bolsonaro-anuncia-carlos-decotelli-como-novo-ministro-da-educacao> Acesso em: 30 jun. 2020.

ZINET, Caio. Especialistas descontroem os 5 principais argumentos do Escola Sem Partido. Educação Integral, 2016. Notícias. Disponível em: <https://educacaointegral.org.br/reportagens/especialistas-desconstroem-os-5-principais-argumentos-escola-sem-partido/> Acesso em: 02 jul. 2020.

Publicado

29-10-2020

Como Citar

DE SOUSA ALVES, A. S.; VIEIRA DA SILVA, F. Discursos sobre as ciências humanas no bolsonarismo: da repetição à prática. Revista Eletrônica de Educação, [S. l.], v. 14, p. e4524141, 2020. DOI: 10.14244/198271994524. Disponível em: https://www.reveduc.ufscar.br/index.php/reveduc/article/view/4524. Acesso em: 14 jun. 2024.

Edição

Seção

Dossiê Consequências do Bolsonarismo sobre os direitos humanos, a educação superior e a produção científica no Brasil
##plugins.generic.dates.received## 2022-04-18
##plugins.generic.dates.accepted## 2022-05-13
##plugins.generic.dates.published## 2020-10-29