Entrevista com Michael Cole: cognição, tecnologias digitais e aprendizagens na perspectiva da psicologia histórico-cultural

Autores

  • Zena Eisenberg
  • Rosália Duarte

DOI:

https://doi.org/10.14244/198271993835

Palavras-chave:

Michael Cole, Impacto das tecnologias digitais, Entrevista, Teoria histórico-cultural.

Resumo

A invenção da tela sensível ao toque (touch screen) vem tornando as tecnologias digitais cada vez mais acessíveis a diferentes populações no mundo e a diferentes classes sociais. No entanto, a motivação para a entrevista aqui relatada está no crescente acesso por crianças de 0 a 6 anos, aquelas que, mesmo ainda não sabendo ler ou escrever, navegam com maestria pelo mundo letrado por meio dos aparelhos portadores desta tecnologia específica – os smartphones e os tablets. A disseminação e o crescente uso dessa tecnologia vêm acendendo opiniões polarizadas a respeito das vantagens e desvantagens do seu uso diário. Associações nacionais e internacionais de Pediatria têm trazido recomendações de cuidado, de monitoramento e/ou de restrição no uso. Apresentam pesquisas que sugerem possível atraso na fala, prejuízo no desenvolvimento motor e déficit de atenção, entre outros. Por outra parte, há pesquisadores analisando o uso das tecnologias de forma positiva, como por exemplo, vendo sua contribuição para o processo de letramento (NEUMANN; NEUMANN, 2014). Em face a essas divergências, buscou-se ouvir a opinião do psicólogo emérito da Universidade de Califórnia-São Diego, Michael Cole. Cole foi um dos maiores responsáveis pela introdução e publicação de Vigotski nas Américas e tem uma vasta lista de publicações sobre a mediação de instrumentos na cognição e na aprendizagem (por exemplo, COLE; ENGESTRÖM, 1993). Apresenta-se aqui uma entrevista videogravada por Skype e posteriormente transcrita em que se buscou compreender se e como as mídias digitais e, mais especificamente as com tecnologia touch screen, podem impactar no desenvolvimento cognitivo das crianças. Primeiro, traça-se uma breve biografia de Cole e, em seguida, apresenta-se a transcrição da entrevista na sua íntegra.

Métricas

Carregando Métricas ...

Downloads

Publicado

15-01-2020

Como Citar

EISENBERG, Z.; DUARTE, R. Entrevista com Michael Cole: cognição, tecnologias digitais e aprendizagens na perspectiva da psicologia histórico-cultural . Revista Eletrônica de Educação, [S. l.], v. 14, p. e3835018, 2020. DOI: 10.14244/198271993835. Disponível em: https://www.reveduc.ufscar.br/index.php/reveduc/article/view/3835. Acesso em: 24 jun. 2024.

Edição

Seção

Dossiê Educação e Mídias Digitais
##plugins.generic.dates.received## 2019-11-10
##plugins.generic.dates.accepted## 2019-11-10
##plugins.generic.dates.published## 2020-01-15