Constituição identitária de surdos na educação infantil: diálogos entre estudos surdos e sociologia da infância

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14244/198271994512

Palavras-chave:

Grupo de pares, Educação infantil, Educação dos surdos, Identidade.

Resumo

Este artigo tem como objetivo articular discussões do campo da Sociologia da Infância sobre Culturas de Pares e discussões do campo dos Estudos Surdos sobre a criança surda e a constituição da Identidade Surda. A partir de pesquisas bibliográficas, e de uma perspectiva de pensar a educação como prática de diferença, este artigo reúne elementos dos dois campos para dialogar sobre a constituição da identidade da criança surda e a constituição de grupos de pares. Quem seriam os pares das crianças surdas em escolas comuns? A discussão realizada oferece subsídios para pensarmos o currículo e a formação de professores para a educação de crianças surdas na educação infantil.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Gabriela Guarnieri de Campos Tebet, Faculdade de Educação da Universidade Estadual de Campinas

Professora da UNICAMP, pesquisadora de bebês, estudos da infância, educação e cuidados na primeira infância, políticas públicas e metodologias de pesquisa pós-estruturalistas.

Lilian Cristine Ribeiro Nascimento, Faculdade de Educação da Universidade Estadual de Campinas

Possui graduação em Fonoaudiologia pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (1987), mestrado em Educação pela Universidade Estadual de Campinas (2002) e doutorado em Educação pela Universidade Estadual de Campinas (2007). Atualmente é professor doutor da Faculdade de Educação da Universidade Estadual de Campinas. Líder do grupo de pesquisa do CNPq: Diferenças e Subjetividades em Educação: Estudos Surdos, das questões raciais, de gênero e da infância. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Educação de surdos, atuando principalmente nos seguintes temas: educação de surdos, tecnologias digitais na educação de surdos, ensino de português como segunda língua.

Mirian Lourdes Ferreira dos Santos Silva, Prefeitura Municipal de Valinhos

Mestre em Educação pela Faculdade de Educação da UNICAMP (2019), com o enfoque em Educação de Surdos. Graduação em Pedagogia pela Universidade Estadual de Campinas (2001). Pós graduação em Educação Especial e Inclusiva pela Faculdade Anhanguera de Valinhos (2014). Pós graduação em Especialização em Psicopedagogia pelo Centro Universitário Amparense (2007). Professora de Ensino Fundamental I com Especialização em Alfabetização (2017). Membro do GES - Grupo de Estudos Surdos coordenado pela professora doutora Lilian Cristine Ribeiro do Nascimento. Membro do Movimento Surdo de Valinhos.

Raquel Domingos Alves , Prefeitura Municipal de Campinas

Professora de Educação Básica I na Rede Municipal de Campinas. Graduada em Pedagogia pela PUC Campinas. Mestre em Educação pela Unicamp. Área de estudo: educação de surdos, educação de crianças pequenas, Libras, literatura infantil. Membro do GES - Grupo de Estudos Surdos coordenado pela professora doutora Lilian Cristine Ribeiro do Nascimento.

Downloads

Publicado

22-06-2024

Como Citar

TEBET, G. G. de C. .; NASCIMENTO, L. C. R. .; SILVA, M. L. F. dos S. .; ALVES , R. D. . Constituição identitária de surdos na educação infantil: diálogos entre estudos surdos e sociologia da infância. Revista Eletrônica de Educação, [S. l.], v. 18, p. e451232, 2024. DOI: 10.14244/198271994512. Disponível em: https://www.reveduc.ufscar.br/index.php/reveduc/article/view/4512. Acesso em: 23 jul. 2024.

Edição

Seção

Demanda Contínua - Artigos
##plugins.generic.dates.received## 2022-07-22
##plugins.generic.dates.accepted## 2021-03-12
##plugins.generic.dates.published## 2024-06-22