Formação stricto sensu de servidores técnico-administrativos em educação: percepção de gestores e servidores qualificados

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14244/198271993787

Palavras-chave:

Qualificação, Pós-Graduação, Servidores técnico-administrativos.

Resumo

O objetivo desta pesquisa foi analisar os desdobramentos para a vida profissional e pessoal dos servidores técnico-administrativos em educação (TAE’s) do Instituto Federal do Norte de Minas Gerais (IFNMG), decorrentes de processos de qualificação em programas de pós-graduação stricto sensu. A análise se deu a partir das percepções de gestores e de servidores qualificados. O aporte teórico abordou teorias de gestão de conhecimentos, gestão por competências e motivação de pessoas, conceitos de eficiência, eficácia e qualidade.  Utilizou-se da abordagem qualitativa e descritiva, desenvolvida por meio do Estudo de Caso, apoiado em pesquisas bibliográfica e documental. Aplicaram-se questionários aos participantes do estudo, os quais foram analisados por meio da metodologia de análise de conteúdo. Esta análise possibilitou conhecer o perfil dos servidores qualificados, identificar as principais dificuldades encontradas no processo de qualificação, que estão relacionadas à falta de tempo ou à dificuldade de conciliar trabalho com estudo, especialmente quando não é possível conseguir o afastamento. Como desdobramento para a vida dos servidores, identificou-se diversos fatores, como desenvolvimento pessoal; melhoria nas relações pessoais, nas habilidades e nas atitudes; aumento da autoestima e da autorrealização; e, o fato de o título acadêmico trazer consigo uma importância, não apenas financeira, mas também de status e de realização pessoal e profissional. Por fim, na visão da maioria dos servidores, a formação apresenta-se com muita ou total influência em suas vidas.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Vinícius Ferreira Faria, Instituto Federal do Norte de Minas Gerais (IFNMG) / Universidade Federal dos vales do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM)

Graduação em Administração pela Universidade Estadual de Montes Claros (2009), mestrando em educação pela Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM). Administrador do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Norte de Minas Gerais (IFNMG). Bolsista do Programa de Bolsas de Qualificação de Servidores (PBQS) do IFNMG.

Geruza de Fátima Tomé Sabino, Universidade Federal dos vales do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM)

Doutora em sociologia pela Faculdade de Ciências e Letras de Araraquara - Unesp (2008), Mestre em Ciências Sociais pela Faculdade de Filosofia e Ciências de Marília - Unesp (2003) e graduada em Administração de Empresas pela Faculdade de Ciências Contábeis e de Administração de Marília - FEESR (1998). Atualmente é Professora Associada do Departamento de Computação, no curso de Sistemas de Informação e também docente do Programa de Pós-graduação (mestrado profissional) em Educação - PPGEd da Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri - UFVJM.

Referências

BARDIN, Lawrence. Análise de conteúdo. São Paulo: Edições 70, 2011.

BERGUE, Sandro Trescastro. Gestão estratégica de pessoas no setor público. São Paulo: Atlas, 2014.

BERGUE, Sandro Trescastro. Comportamento organizacional. Brasília: CAPES, 2010.

BRASIL. Decreto n. 5.707, de 23 de fevereiro de 2006. Institui a Política e as Diretrizes para o Desenvolvimento de Pessoal da administração pública federal direta, autárquica e fundacional, e regulamenta dispositivos da Lei nº 8.112, de 11 de dezembro de 1990. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil, n. 40, p. 3-4, 2006. Disponível em: http://www2.camara.leg.br/legin/fed/decret/2006/decreto-5707-23-fevereiro-2006-541199-publicacaooriginal-44078-pe.html. Acesso em: 24 jul. 2018.

DURAND, Thomas. Forms of incompetence. In: Proceedings Fourth International Conference on Competence-Based Management. Oslo: Norwegian School of Management. 1998.

FITZSIMMONS, James A.; FITZSIMMONS, Mona J. Administração de serviços: operações, estratégia e tecnologia da informação. 6. ed. Porto Alegre: Bookman, 2011.

FREITAS, Rony Cláudio de Oliveira; SOUZA, Ruberley Rodrigues de. Mestrado em Educação Profissional e Tecnológica: uma construção em rede. In: SOUZA, Ruberley Rodrigues de (Org). Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação na Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica. Goiânia: IFG, 2017.

GIL, Antônio Carlos. Gestão de pessoas: enfoque nos papéis profissionais. São Paulo: Atlas. 2008.

GODOY, Maria Tereza. Qualificação do servidor público: implicações na gestão de pessoas na Universidade Federal de Goiás. XXXVIII Encontro da ANPAD, p. 1-15, 2014. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/273772693_QUALIFICACAO_DO_SERVIDOR_PUBLICO_Implicacoes_na_Gestao_de_Pessoas_na_Universidade_Federal_de_Goias. Acesso em: 7 fev. 2019.

INSTITUTO FEDERAL DO NORTE DE MINAS GERAIS – IFNMG. Programa institucional de desenvolvimento de servidores do IFNMG. Montes Claros, MG, ago. 2013. Disponível em: https://www.ifnmg.edu.br/gestaodepessoas/18598-pids. Acesso em: 24 jul. 2018.

LACOMBE, Francisco José Masset; HEILBORN, Gilberto Luiz José. Administração: princípios e tendências. 2. ed. rev. e atual. São Paulo: Saraiva, 2008.

MAGALHÃES, Justino Pereira de. Tecendo nexos: história das instituições educativas. Bragança Paulista: Editora Universitária São Francisco, 2004.

MANFREDI, Silvia Maria. Trabalho, classificação e coordenação profissional - as dimensões, conceitos e políticas. Educação & Sociedade. Campinas, v. 19, n. 64, p. 13-49, set. 1999. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-73301998000300002&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 9 fev. 2019.

MAXIMIANO. Antonio Cesar Amaru. Introdução à administração. 5. ed. São Paulo. Atlas. 2000.

MEGGINSON, Leon C.; MOSLEY, Donald C.; PIETRI, Paul H. Administração: conceitos e aplicações. Harba, 1998.

PACHECO, Eliezer. Institutos Federais: uma evolução na educação profissional e tecnológica. In: PACHECO, Eliezer (org). Institutos Federais: uma revolução na educação profissional e tecnológica. São Paulo: Moderna. 2011. Disponível em: https://www.moderna.com.br/lumis/portal/file/fileDownload.jsp?fileId=8A7A83CB34572A4A01345BC3D5404120. Acesso em: 22 jul. 2018.

TORRES, Marcelo Douglas de Figueiredo. Estado, democracia e administração pública no Brasil. Rio de Janeiro: FGV, 2004.

Downloads

Publicado

17-05-2023

Como Citar

FARIA, V. F.; SABINO, G. de F. T. Formação stricto sensu de servidores técnico-administrativos em educação: percepção de gestores e servidores qualificados. Revista Eletrônica de Educação, [S. l.], v. 17, p. e3787033, 2023. DOI: 10.14244/198271993787. Disponível em: https://www.reveduc.ufscar.br/index.php/reveduc/article/view/3787. Acesso em: 19 abr. 2024.

Edição

Seção

Demanda Contínua - Artigos
##plugins.generic.dates.received## 2019-10-21
##plugins.generic.dates.accepted## 2022-01-04
##plugins.generic.dates.published## 2023-05-17