Professores iniciantes em escolas de periferia: desafios da “sobrevivência” na sala de aula

Autores

  • Fátima Maria Rodrigues Chagas da Silva Secretaria de Educação da Prefeitura Municipal de Duque de Caxias, Rio de Janeiro
  • Laélia Portela Moreira Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Estácio de Sá - PPGE/UNESA

DOI:

https://doi.org/10.14244/198271994183

Palavras-chave:

Profissão docente, Professor iniciante, Formação em serviço.

Resumo

O início da docência é uma fase de máxima importância para a constituição da identidade do professor e se apresenta, no geral, pleno de desafios. O artigo apresenta os resultados de uma pesquisa que analisou as principais dificuldades dos anos iniciais da docência, sob a ótica de professores iniciantes da Rede de Ensino do Município de Duque de Caxias, RJ, complementada com depoimentos da equipe pedagógica. Conceitos como “Choque de Realidade” e “Desenvolvimento Profissional” deram suporte teórico à pesquisa. A metodologia incluiu análise de documentos, questionários e entrevistas. Os resultados possibilitaram, além da identificação de desafios gerais relacionados à aprendizagem dos alunos, outros como, trabalho com turmas de alfabetização, com estudantes incluídos, dificuldades de lidar com a diversidade presente em sala de aula e ainda com as condições estruturais da Rede. A pesquisa favoreceu também o levantamento de aspectos importantes a serem considerados para a formação em serviço, bem como reforçou a necessidade de políticas de acolhimento a esses professores.

 

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Fátima Maria Rodrigues Chagas da Silva, Secretaria de Educação da Prefeitura Municipal de Duque de Caxias, Rio de Janeiro

Mestre em Educação - PPGE-Unesa

Orientadora Educacional - Secretaria de Educação da Prefeitura Munical de Duque de Caxias, Rio de Janeiro 

Laélia Portela Moreira, Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Estácio de Sá - PPGE/UNESA

Professora e Pesquisadora do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Estácio de Sá. PPGE/UNESA.

Linha de Pesquisa: Políticas, Gestão e Formação de Educadores (PGFE).

Doutora em Educação pela UFRJ

Mestre em Educação pelo IESAE/FGV - RJ

Referências

ANDRÉ, Marli. Políticas de valorização do trabalho docente no Brasil: algumas questões. Ensaio: Avaliação e. Políticas. Públicas em Educação, Rio de Janeiro, v. 23, n. 86, p. 213-230, jan./mar. 2015.

BARDIN, Laurence. Análise de conteúdo. Lisboa: Edições 70, 1977.

BEHRENS, Marilda Aparecida; FEDEL, Tiago Reus Barbosa. Os contributos da reflexão e da experiência vivenciada na formação continuada de professores. Revista Eletrônica de Educação, v. 14, 1-13, e3009045, jan./dez. 2020.

BRASIL. Lei n. 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Brasília, 1996. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/LEIS/l9394.htm. Acesso em: 2 abr. 2016.

BRASIL. MEC-Ministério da Educação. O PNE - Plano Nacional de Educação (2014/2024) em Movimento. Disponível em: < http://pne.mec.gov.br/ >. Acesso em: 5 jun. 2016.

CALIL, Ana Maria Gimenes Corrêa; ANDRÉ, Marli Eliza Dalmazo Afonso de. Uma política voltada para os professores iniciantes de Sobral-CE. Diálogo Educacional, Curitiba, v. 16, n. 50, p. 891-909, out./dez. 2016

DUQUE DE CAXIAS. Prefeitura Municipal. Secretaria Municipal de Educação. PME-Plano Municipal de Educação da Rede Escolar de Duque de Caxias. Duque de Caxias, 2015. Disponível em: http://smeduquedecaxias.rj.gov.br/portalsme/cpfpf/wp-content/uploads/2017/10/PME-2015-2025-PARTE-I.pdf

FERREIRO, Emilia. Reflexões sobre alfabetização. 21. ed. São Paulo: Cortez, 1993.

GABARDO, Claudia Valéria Lopes. O início da docência no ensino fundamental na rede municipal de ensino. 2012. 127 f. Dissertação de Mestrado. UNIVILLE-Universidade da Região de Joinville. Joinville. 2012.

GARCIA, Carlos Marcelo. Formação de Professores: para uma mudança educativa. Portugal: Porto, 1999.

GARCIA, Carlos Marcelo. O professor iniciante, a prática pedagógica e o sentido da experiência. Formação Docente, Belo Horizonte, v. 2, n. 3, p. 11-49, ago./dez. 2010. Disponível em: http://formacaodocente.autenticaeditora.com.br < Acesso em: 13 jul. 2017.

HUBERMAN, Michael. O ciclo de vida profissional dos professores. In: NÓVOA, António. (Org.). Vidas de professores. 2. ed. Portugal: Porto, cap. 2, p. 31-61, 2013.

LEONE, Naiara Mendonça. A inserção no exercício da docência: necessidades formativas de professores em seus anos iniciais. São Paulo: Cultura Acadêmica, 2012. Disponível em: <http://culturaacademica.com.br/ img/arquivos/A_insercao_no_exercicio_da_docencia-Web_v2.pdf> Acesso em: 2 jan. 2018.

MAGALHÃES, Lígia Karam Corrêa de; AZEVEDO, Leny Cristina Soares Souza. Formação continuada e suas implicações: entre a lei e o trabalho docente. Cadernos Cedes, Campinas, v. 35, n. 95, p. 15-36, jan./abr. 2015. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/ccedes/ v35n95/0101-3262-ccedes-35-95-00015.pdf>. Acesso em: 20 mai. 2106.

MARCELO, Carlos. Desenvolvimento profissional docente: passado e futuro. Sísifo, Revista de Ciências da Educação, n. 8, p. 7-22, jan./abr. 2009. Disponível em: < http://sisifo.ie.ulisboa.pt/index.php/sisifo/article/view/130>. Acesso em 2 jan. 2018.

MIZUKAMI, Maria da Graça Nicoletti. Escola e desenvolvimento profissional da docência. In: GATTI, Bernardete Angelina et al. (Orgs.). Por uma política nacional de formação de professores. São Paulo: Unesp, p. 23-54, 2013.

MORGADO, José Carlos. Identidade e profissionalidade docente: sentidos e (im) possibilidades. Ensaio: aval. pol. públ. Educ., Rio de Janeiro, v. 19, n. 73, p. 793-812, out./dez. 2011. Disponínel em http://www.redalyc.org/html/3995/399538139004/. Acesso em: 20 abr. 2018.

NÓVOA, Antônio. Para uma formação de professores construída dentro da profissão. Revista de Educación, n. 350, septiembre/diciembre 2009. Texto em Português disponível em: < www.revistaeducacion.mec.es/re350_09.html.> . Acesso em abr. 2018.

NÓVOA, Antônio. Os professores e o novo espaço público da educação. In: TARDIF, M.; LESSARD, C. (Org.). O ofício de professor: história, perspectivas e desafios internacionais. Petrópolis: Vozes, 2012. p. 213-229.

NÓVOA, Antônio. Entrevista com o professor António Nóvoa. Educação em Perspectiva, Viçosa, v. 4, n. 1, p. 224-237, jan./jun. 2013. Disponível em: <http://www.seer.fv.br/seer/educacaoemperspectiva/index.php/ppgeufv/article/view/436/112>. Acesso em: 28 jan. 2017.

PINTO, Joseane Amâncio. Professores iniciantes da Rede Municipal de Ensino São José dos Campos: inserção, desafios e necessidades. 2016. 162f. Dissertação de Mestrado. Universidade de Taubaté. 2016. Disponível em: <http://mpemdh.unitau.br/wp-content/uploads/2014/dissertacoes/mpe/Joseane-Amancio-Pinto.pdf> Acesso em: 10 jan. 2018.

ROLDÃO, Maria do Céu Neves. Formação docente: natureza e construção do conhecimento profissional. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, v. 12, n. 34, p. 94-103, jan./abr. 2007. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/rbedu/v12n34/a08v1234.pdf>. Acesso em: 4 nov. 2017.

ROMANOWSKI, Joana Paulin. Professores principiantes no Brasil: questões atuais. In: CONGRESSO INTERNACIONAL SOBRE PROFESSORADO PRINCIPIANTE E INSERCIÒN PROFESIONAL A LA DOCENCIA, 3, 2012, Santiago do Chile. Disponível em: <http://congressoprinc.com.br/artigo?id_artigo=195>. Acesso em: 20 set. 2017.

ROMANOWSKI, Joana Paulin; MARTINS, Pura Lúcia Oliver. Desafios da formação de professores iniciantes. Páginas de Educación, Montevidéu, v. 6, n. 1, p. 81-94, jun. 2013. Disponível em: <http://www.scielo.edu.uy/pdf/pe/v6n1/v6n1a05.pdf >. Acesso em: 4 mar. 2017.

SILVA, Vandré Gomes da; ALMEIDA, Patrícia Cristina Albieri de; GATTI, Bernardete Angelina. Referentes e critérios para a ação docente. Cadernos de Pesquisa, São Paulo, v. 46, n. 160, p. 286-311, abr./jun. 2016. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/cp/v46n160/ 1980-5314-cp-46-160-00286.pdf>. Acesso em: 3 jun. 2017.

Downloads

Publicado

09-10-2020

Como Citar

SILVA, F. M. R. C. da; MOREIRA, L. P. Professores iniciantes em escolas de periferia: desafios da “sobrevivência” na sala de aula. Revista Eletrônica de Educação, [S. l.], v. 14, p. e4183122, 2020. DOI: 10.14244/198271994183. Disponível em: https://www.reveduc.ufscar.br/index.php/reveduc/article/view/4183. Acesso em: 24 jun. 2024.

Edição

Seção

Dossiê Formação e inserção profissional de professores iniciantes: conceitos e práticas
##plugins.generic.dates.received## 2020-04-18
##plugins.generic.dates.accepted## 2020-06-15
##plugins.generic.dates.published## 2020-10-09