Configurações da infância na cidade: desigualdade interbairros e nos usos dos tempos e espaços por crianças curitibanas

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14244/198271993275

Palavras-chave:

Criança, Bairro, Cidade, Socialização.

Resumo

Este artigo analisa dados de um questionário respondido por 1060 famílias sobre o uso que crianças moradoras de diferentes bairros de Curitiba, faziam do bairro de moradia e da cidade. Para a análise dos dados, utilizou-se autores das ciências sociais (Elias, Lahire), da sociologia urbana, da infância entre outros. Evidenciou-se que crianças moradoras do norte e região central socializavam-se mais em ambientes consolidados de lazer e cultura, faziam mais atividades voltadas ao modo escolar de socialização e atividades esportivas elitizadas e espiritualizadas. Já as do sul e extremo sul faziam mais atividades próximas de um enquadramento cívico, moral e religioso e realizavam mais atividades esportivas ligadas à defesa pessoal. Conclui-se que o bairro e a cidade também contribuem nos processos de socialização influenciando na formação de redes de interdependência que podem ser mais, como também menos variadas, elásticas e móveis do ponto de vista espacial.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Valéria Milena Rohrich Ferreira, UFPR

Universidade Federal do Paraná (Setor de Educação-Departamento de Planejamento e Administração Escolar) Pós-Graduação em Educação Linha de Pesquisa: Diversidade, Diferença e Desigualdade Social em Educação. Mestrado e Doutorado na PUC/SP (Programa: História, Política, Sociedade) Pós-doutorado na Universidade Lumière Lyon 2Grupo de Pesquisa Modos, Espaços e Processos de Socialização

 

 

Solange Pacheco Ferreira, Prefeitura Municipal de Curitiba/ UFPR

Secretaria Municipal de Educação de Curitiba/Paraná Universidade Federal do Paraná Doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Educação Linha de pesquisa: Diversidade, Diferença e Desigualdade Social em Educação

Referências

AUTHIER, Jean-Yves. La question des “effets de quartier” en France. Variations contextuelles et processus de socialization. In: Authier, Jean-Yves; Bacqué, Marie-Hélène; Guérin-Pace, France. Le Quartier: enjeux scientifiques, actions politiques et pratiques socials. Paris: La Découverte, 2006.

BAUMAN, Zygmunt. Confiança e medo na cidade. Tradução Eliana Aguiar. Rio de Janeiro: Zahar, 2009.

CARDOSO, Julia do Carmo P. Scholochuski; FERREIRA, Valéria Milena Rorich. Onde estudam as crianças curitibanas? A relação entre o local de moradia das famílias e a localização da escola na cidade de Curitiba. In: Anais do Colóquio Internacional Crianças e Territórios de Infância. Anais. Brasília(DF) UnB, 2018. Disponível em: . Acesso em: 26/11/2019.

CASTELLS, Manuel. A questão urbana. São Paulo: Paz e Terra, 2009.

ELIAS, Norbert. A sociedade dos indivíduos. Rio de Janeiro: Zahar, 1994a.

ELIAS, Norbert. O processo civilizador 1: uma história dos costumes. Rio de Janeiro: Zahar, 1994b.

ELIAS, Norbert. Au-delà de Freud: sociologie, psychologie, psychanalyse. Paris: La Découverte, 2010.

FERNANDES, Sonia Maria; SANTOS, Marcia Cristina dos. A infância negra no contexto dos bairros de Curitiba. In: Anais do Colóquio Internacional Crianças e Territórios de Infância. Anais. Brasília (DF) UnB, 2018. Disponível em: . Acesso em: 26/11/2019.

FERREIRA, Valéria Milena Rohrich. Práticas Institucionalizadas e Processos de Socialização de Crianças na Cidade. Revista Cocar, Belém, v. 9, n. 17, p. 55-64, jan./Jul. 2015.

FERREIRA, Valéria Milena Rohrich. Deslocamento de Crianças nos Bairros de Curitiba e sua Relação com Processos de Socialização. Revista Eletrônica de Educação, São Carlos, v. 10, n. 1, p. 52-68, 2016.

FERREIRA, Valéria Milena Rohrich; FERNANDES, Sonia Maria. Infância e Justiça Espacial: Desigualdades intrabairros e na apropriação da cidade por crianças curitibanas. (no prelo)

FERREIRA, Valéria Milena Rohrich; FERREIRA, Solange Pacheco; SANTOS, Rojanira Roque dos. Antiguidade de moradia no bairro, origem geográfica das famílias e sua relação com usos e vivências das crianças na cidade e no bairro. In: Anais do Colóquio Internacional Crianças e Territórios de Infância. Anais. Brasília(DF) UnB, 2018. Disponível em: . Acesso em: 26/11/2019

FERREIRA, Valéria Milena Rohrich; SANTOS, Rojanira Roque dos. Inventário das microproduções dos espaços da cidade: crianças, famílias e cultura comum no bairro e na cidade. XIV Congresso Nacional de Educação – EDUCERE, Curitiba, 2019.

FIORESE, S. Gênero e cidade: uma análise de conversas com meninos e meninas da Rede Municipal de Ensino de Curitiba. In: Seminário Nacional Infâncias e Juventudes na cidade: um diálogo com a educação, 2017, Vitória. EIXO 1: Educação, Infância e Cidades, 2017.

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Censo Demográfico do Brasil, 2010. (https://censo2010.ibge.gov.br/)

LAHIRE, Bernard. Sucesso escolar nos meios populares: as razões do improvável. São Paulo, Ática, 1997.

LAHIRE, Bernard. Homem plural: os determinantes da ação. Petrópolis: Vozes, 2002a.

LAHIRE, Bernard. Portraits sociologiques: dispositions et variations individuelles. Paris: Nathan, 2002b.

MOLLO-BOUVIER, Suzanne. Transformação dos modos de socialização das crianças: uma abordagem sociológica. Educação e Sociedade, Campinas, v. 26, n. 91, p. 391-403, maio/ago. 2005.

PAQUOT, Thierry. L’espace public. Paris: La Découverte, 2010.

QVORTRUP, Jens. Nove teses sobre a infância como um fenômeno social. Pro-Posições, Campinas, v. 22, n. 1, p. 199-211, jan./abr. 2011.

REMY, Jean. L’ espace, un objet central de la sociologie. Toulouse: Éditions Erés, 2015.

SARMENTO, Manuel Jacinto. Crianças: educação, culturas e cidadania activa, refletindo em torno de uma proposta de trabalho. Perspectiva, v. 23, n. 1, p. 17-40, jun./jul. 2005.

SARMENTO, Manuel Jacinto As crianças e a infância: definindo conceitos, delimitando o campo. In: SARMENTO, Manuel; PINTO, Manuel (Orgs.). As crianças: contextos e identidades. Minho: Universidade do Minho, 1997. p. 9-29.

VIARD, Jean. Eloge de la mobilité: Essai sur le capital temps libre et la valeur travail. Paris: Editions de l’Aube, 2011.

VINCENT, Guy; LAHIRE, B.; THIN, D. Sobre a história e a teoria da forma escolar. Educação em Revista. Belo Horizonte, n. 33, jun 2001, p. 7-47.

Downloads

Publicado

03-03-2020

Como Citar

FERREIRA, V. M. R.; FERREIRA, S. P. Configurações da infância na cidade: desigualdade interbairros e nos usos dos tempos e espaços por crianças curitibanas. Revista Eletrônica de Educação, [S. l.], v. 14, p. e3275060, 2020. DOI: 10.14244/198271993275. Disponível em: https://www.reveduc.ufscar.br/index.php/reveduc/article/view/3275. Acesso em: 24 jun. 2024.

Edição

Seção

Demanda Contínua - Artigos
##plugins.generic.dates.received## 2019-02-09
##plugins.generic.dates.accepted## 2019-07-18
##plugins.generic.dates.published## 2020-03-03