Reflexões sobre a formação em educação física para atuação em saúde

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14244/198271992782

Palavras-chave:

Formação profissional, Educação física e treinamento, Serviços de saúde escolar.

Resumo

O professor de Educação Física, tornou-se no decorrer dos anos, um profissional valorizado pela sociedade, de tal modo que, atualmente integra equipes multidisciplinares no Sistema Único de Saúde - SUS, e através de sua abordagem interdisciplinar, vem conquistando cada vez mais espaço. Com este intuito, o objetivo dessa pesquisa é analisar a formação oferecida no curso de Licenciatura em Educação Física da Universidade Estadual Vale do Acaraú. Para tanto, este estudo tem como metodologia a pesquisa de campo e exploratória, pois tem como foco as informações e/ou conhecimentos sobre um problema ou situação, buscando respostas para tanto, ou comprovando pressupostos, descobrindo novos fenômenos ou as relações entre eles. O cenário desta pesquisa foi a Universidade Estadual Vale do Acaraú, em específico, entrevistas com os docentes do curso de Educação Física da referida universidade, no ano de 2017. A partir dos achados, observou-se o perfil destes professores: homens, com idades entre 41 e 50 anos, mestres, formados em Educação Física pela Universidade de Fortaleza, com mestrado ou doutorado na área da Saúde, têm entre 20 a 29 anos de experiência no Ensino Superior e possuem entre um a cinco anos de experiência na Universidade citada. Acredita-se que o conceito de saúde exerça influência na formação dos profissionais de Educação Física, sendo necessárias outras atitudes para a modificação do quadro encontrado. Dessa forma, percebe-se que a formação inicial dos envolvidos não os preparou para abordar a temática saúde na escola.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Stela Lopes Soares, Centro Universitário INTA - UNINTA

Mestra em Ensino na Saúde pela Universidade Estadual do Ceará (UECE)

Professora do curso de Educação Física pelo Centro Universitário INTA (UNINTA)

Membro do Grupo de Estudos e Pesquisas em Educação Física Escolar  (GEPEFE)

Douglas Prado Araújo, Centro de Atenção Psicossocial Álcool e outras Drogas (AD) na Secretaria de Saúde de Sobral-Ce.

Especialista em Saúde da Família pela Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA). Secretaria de Saúde de Sobral. Professor de Educação Física. no Centro de Atenção Psicossocial Alcool e outras Drogas (AD). 

Diogo Queiroz Allen Palácio, Secretária de Educação do Estado do Ceará (SEDUC).

Mestre em Ensino na Saúde pela Universidade Estadual do Ceará (UECE). Secretária de Educação do Estado do Ceará (SEDUC). Professor de Educação Física 

Heraldo Simões Ferreira, Universidade Estadual do Ceará (UECE).

Doutor em Saúde Coletiva pela Universidade Estadual do Ceará (UECE). Universidade Estadual do Ceará (UECE). Centro de Ciências da Saúde (CCS). Professor Adjunto do Curso de Educação Física pela Universidade Estadual do Ceará (UECE).

Neide Dourado Martins, Centro Universitário INTA (UNINTA)

Especialista em  Educação à Distancia pelo Centro Universitário INTA (UNINTA) . Centro Universitário INTA (UNINTA). Diretoria  de Inovação Pedagógica (DIRIN).

Anaisa Alves de Moura, Centro Universitário INTA (UNINTA).

Doutoranda em Educação – ULHT, Lisboa Portugal (2017), Mestre em Ciências da Educação, Especialista em Gestão Escolar. Centro Universitário INTA (UNINTA). Orientadora Educacional. Email: anaisa1000@hotmail.com.

Eveline Rufino Brasil, Prefeitura Municipal de Paraipaba, Ceará. Secretaria de Saúde.

Mestra em Ensino na Saúde pela Universidade Estadual do Ceará (UECE). Prefeitura Municipal de Paraipaba, Ceará.  Secretaria de Saúde. 

Davi Moreira Lima Romcy, Instituto Dom José de Educação (IDJ)

Mestre em treino de alto rendimento desportivo pela universidade do Porto. Instituto Dom José de Educação (IDJ). Curso de Educação Física

Referências

ANDRADE, Maria do Carmo Ferreira; SOUZA, Ana Cláudia Ribeiro de. A formação de professores na utilização da metodologia por competências – SENAI em Manaus. 5° CONGRESSO IBERO-AMERICANO EM INVESTIGAÇÃO QUALITATIVA, Atas CIAIQ, 2016.

BRASIL. Ministério da Educação e Cultura – MEC. Referenciais para formação de professores. Brasília: MEC/Secretaria de Educação Fundamental, 2002.

BRASIL. Conselho Nacional de Educação. Resolução CNE/CES 7/2004. Diário Oficial da União, Brasília, 5 de abril de 2004, Seção 1, p. 18.

BRASIL. Conselho Nacional de Saúde. Resolução n° 466, de 12 de dezembro de 2012. Aprova normas regulamentadoras de pesquisas envolvendo seres humanos. Brasília: Diário Oficial da União, 2012.

BRASIL. Ministério da Educação. Resolução CNE/CP 2, de 1° de julho de 2015. Diário Oficial da União, Brasília, 2015.

BURGARELLI, Cristovão Giovani; CARMO, Danielsie Silva do. Formação e desejo de ser professor, Revista Eletrônica de Educação, v.11, n.3, p.890-899, set./dez., 2017. Disponível em: <http://www.reveduc.ufscar.br/index.php/reveduc/article/view/1872/646> Acesso em: 14 de maio de 2018.

CARDOSO, Márcia Regina Gonçalves. O professor do ensino superior hoje: perspectivas e desafios. Cadernos da Fucamp, v.15, n.23, p.87-106 /2016. Disponível em: <http://www.fucamp.edu.br/editora/index.php/cadernos/article/viewFile/837/596> Acesso em: 10 de março de 2017.

CARVALHO, Fábio Fortunato Brasil de. Práticas corporais e atividades físicas na atenção básica do sistema único de saúde: ir além da prevenção das doenças crônicas não transmissíveis é necessário. Rev. Movimento, Porto Alegre, v. 22, n. 2, 647-658, abr./jun. de 2016.

CONFEF- Conselho Federal de Educação Física. Resolução n.º 206, de 07 de novembro de 2010, Rio de Janeiro, 2010.

COSTA, Gabriela Maria Cavalcanti; CAVALCANTI, Vagner Martins; BARBOSA, Mayara Lima; CELINO, Suely Deysny de Matos; FRANÇA, Inárcia Sátiro Xavier de; SOUSA, Francisco Stélio de. Promoção de saúde nas escolas na perspectiva de professores do ensino fundamental. Revista Eletrônica de Enfermagem, 15(2): 506-15, abr./jun.2013. Disponível em: http://dx.doi.org/10.5216/ree.v15i2.15769> . Acesso em 10 de Dezembro de 2017.

FARIA JUNIOR, Alfredo Professor de educação física: licenciado generalista. In: OLIVEIRA, Vitor Marinho de (org.). Fundamentos pedagógicos educação física 2. Rio de Janeiro: Ao livro técnico, 1987

FERREIRA, Heraldo Simões; OLIVEIRA, Bráulio Nogueira de; SAMPAIO, José Jackson Coelho. Análise da percepção dos professores de Educação Física acerca da interface entre a saúde e a Educação Física escolar: conceitos e metodologias. Rev. Bras. Ciênc. Esporte [online], 2013, vol.35, n.3, pp.673-685. ISSN 2179-3255.

FERREIRA, Heraldo Simões. Educação Física Escolar e saúde em escolas públicas municipais de Fortaleza: proposta de ensino para saúde. 2011. 191f. Tese (Doutorado em Saúde Coletiva), Associação Ampla UECE/UFC/UNIFOR, Universidade Estadual do Ceará-UECE, Fortaleza, 2011.

FIORIN, Pauline Brendler Goettems; SALAMONI, Bethânia; MOTTA, Gabriela Almeida; BALDISSERA, Fernanda Giesel; ZANETI, Izabel Cristina Bruno Barcelar; MAGALHÃES, Cleidilene Ramos. O ensino interdisciplinar na área da saúde: perspectivas para a formação e atuação multiprofissional. Revista Didática Sistêmica, ISSN:1809-3108, v.16, n. 2, p. 30-43, 2015.

GARBOIS, Júlia Arêas; SODRE, Francis; DALBELLO-ARAUJO, Maristela. From the notion of social determination to one of social determinants of health. Saúde debate [online], 2017, vol.41, n.112, pp.63-76. ISSN 0103-1104. Disponível em <http://dx.doi.org/10.1590/0103-1104201711206>. Acesso em 10 de janeiro de 2018.

GARCIA, Maria Manuela Alves; FONSECA, Márcia Souza da; LEITE, Vanessa Caldeira. Teoria e prática na formação de professores: a prática como tecnologia do eu docente. Educ. rev. [online]. 2013, vol.29, n.3, pp.233-264.

GONÇALVES, Rita Maria Grilo; ROCHAEL, Magda Cristina Nascimento. A importância da didática para a formação do docente do ensino superior. Revista Científica da FEPI-Edição interdisciplinar. Itajubá. v 7, 2015. Disponível em:http://www.fepi.br/revista/index.php/revista/article/view/253/142. Acesso em: 12 de set. 2017.

HUBERMAN, Michael. O ciclo de vida profissional dos professores. In: NÓVOA, A. (Org.). Vidas de professores. 2. ed. Porto: Porto, 2000, p.31-61.

INEP. Censo Escolar da Educação Superior, 2011. Brasília, DF: Ministério da Educação/ Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, 2011. Disponível em: < http://download.inep.gov.br/educacao_superior/censo_superior/resumo_tecnico/>. Acesso em: 02 fev. 2018.

ISAIA, Silvia Maria de Aguiar; BOLZAN, Doris Pires Vargas. Formação do professor do Ensino superior: um processo que se aprende? Revista do Centro de Educação, UFSM, v. 29, n. 2, jul./dez. 2004, pp. 121-133.

LARROSA-BONDÍA, Jorge. Notas sobre a experiência e o saber da experiência. Revista Brasileira de Educação, Campinas, n.19, p.20-8, 2002.

LAUDELINO, Julien Ariani de Souza; MAES, Maria Aparecida. A identidade do professor do Ensino Superior. Revista de Educação, v. 13, n° 16, ano 2010. Disponível em: Acesso em: 10 mar. 2017.

LAUXEN, Ademar Antônio; PINO, José Cláudio Del. A formação contínua do professor-formador: constituição dos saberes profissionais em processos reflexivos coletivos, Revista Eletrônica de Educação, v.11, n.2, p. 540-558, jun./ago., 2017. Disponível em: <http://www.reveduc.ufscar.br/index.php/reveduc/article/view/1736/612> Acesso em: 10 de maio de 2018.

LORENA, Allan Gomes de; SANTOS, Liliana; ROCHA, Cristianne Fame; LIMA, Marcelo Soares Silveira; PINO, Michel Reina; AKERMAN, Marco. Graduação em saúde coletiva no Brasil: onde estão atuando os egressos dessa formação? Rev. Saúde e Sociedade, São Paulo, v.25, n.2, p.369-380, 2016.

LOURENÇO, Luciana de Fátima Leite; DANCZUK, Rutes de Fátima Terres; PAINAZZER, Daiany; PAULA JUNIOR, Newton Ferreiar; MAIA, Ana Rosete Camargo Rodrigues; SANTOS, Evanguelia Kotzias Atherino dos. A Historicidade filosófica do Conceito Saúde. Revista Here. Disponível em: <http://www.here.abennacional.org.br/here/vol3num1artigo2.pdf>. Acesso em 06 de maio de 2019.

MIRANDA, Marília Gouvea de. O Professor Pesquisador e Sua Pretensão de Resolver a Relação Entre a Teoria e a Prática na Formação de Professores. In: O Papel da pesquisa na formação e na prática dos professores. Campinas: Papirus, 5 ed, 2006, p.129-143

MENEGAZZI, Marlene; DALCIN, Andreia. Potencialidades e limitações de um trabalho colaborativo sobre frações com estudantes de Pedagogia. Revista Perspectivas, Florianópolis, v. 34, n. 2, p. 486-509, maio/ago, 2016. Disponível em: <http://www.perspectiva.ufsc.br>. Acesso em: 10 de junho de 2017.

MOREIRA, Hudson Resende; NASCIMENTO, Juarez Vieira do; SONOO, Christi Noriko; BOTH, Jorge. Qualidade de vida no trabalho e perfil do estilo saúde. Revista Brasileira de Ciências da Saúde, ano 10, nº 34, out/dez 2012. Artigos originais referências de vida individual de professores de Educação Física ao longo da carreira docente Motriz, 2010.

NAHAS, Markus Vinícius. Educação Física no ensino médio: educação para um estilo de vida ativo no terceiro milênio. In: IV SEMINÁRIO DE EDUCAÇÃO FÍSICA ESCOLAR/ ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA E ESPORTE. Anais..., p.17-20, 1997.

NUNES, Hudson Fabricius Peres; NUNES, Romulo Eduardo Peres; BETTANIM, Marcelo Rodella; BETTI, Mauro; CHELLES, Claudinei; DRIGO, Alexandre Janotta. Treinamento desportivo: perfil acadêmico dos professores de Educação Física no ensino superior brasileiro. Revista Movimento, Porto Alegre, v. 23, n.1, p. 265-280, jan./mar. 2017.

NUNES, Marcello Pereira; VOTRE, Sebastião Josué; SANTOS, Wagner dos. O profissional em educação física no Brasil: desafios e perspectivas no mundo do trabalho. Motriz, Rio Claro, v.18, n.2, p.280-290, abr./jun. 2012. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/motriz/v18n2/v18n2a08.pdf> Acesso em: 19. dez. de 2018.

OLIVEIRA, Ellen Viviane de Sousa; BEZERRA, Elizabeth Jatobá. Educação Física escolar e saúde: uma experiência interdisciplinar nos anos iniciais do ensino fundamental. FIEP BULLETIN, v. 82, Edição Especial, Art. 1, 2012.

PEREIRA, Letícia Rodrigues; ANJOS, Daniela Dia dos. O Professor do Ensino Superior: perfil, desafios e trajetórias de formação. SEMINÁRIO INTERNACIONAL DE ENSINO SUPERIOR, 2014. Anais... Disponível em: < https://uniso.br/publicacoes/anais_eletronicos/2014/1_es_formacao_de_professores/31.pdf>. Acesso em: 10 de junho de 2017.

PIMENTA, Selma Garrido; GHEDIM, Evandro. Professor reflexivo no Brasil: gênese e crítica de um conceito. São Paulo: Cortez, 2008.

PRYJMA, Marielda Ferreira; OLIVEIRA, Oséias Santos de. O desenvolvimento profissional dos professores da educação superior: reflexões sobre a aprendizagem para a docência. Rev. Educação e Sociedade, Campinas, v. 37, nº. 136, p.841-857, jul.-set., 2016. Disponível em:< http://www.scielo.br/pdf/es/v37n136/1678-4626-es-ES0101-73302016151055.pdf>. Acesso em: 15 de jan. de 2018.

TARDIF, Maurice. Saberes profissionais dos professores e conhecimentos universitários. Revista Brasileira de Educação, n.13, p. 5-13, jan./abr. 2000.

Publicado

01-02-2020

Como Citar

SOARES, S. L.; ARAÚJO, D. P.; PALÁCIO, D. Q. A.; FERREIRA, H. S.; MARTINS, N. D.; MOURA, A. A. de; BRASIL, E. R.; ROMCY, D. M. L. Reflexões sobre a formação em educação física para atuação em saúde. Revista Eletrônica de Educação, [S. l.], v. 14, p. e2782038, 2020. DOI: 10.14244/198271992782. Disponível em: https://www.reveduc.ufscar.br/index.php/reveduc/article/view/2782. Acesso em: 24 jun. 2024.

Edição

Seção

Demanda Contínua - Artigos
##plugins.generic.dates.received## 2018-05-17
##plugins.generic.dates.accepted## 2018-12-20
##plugins.generic.dates.published## 2020-02-01