Gestão, currículo e ensino em análise: por uma escola pública justa e democrática (Management, curriculum and teaching in analysis: towards a fair and democratic school)

Autores

  • Emilia Freitas de Lima Linha Educação Escolar: Teorias e Práticas, PPGE/UFSCar
  • Celso Luiz Aparecido Conti Linha Educação Escolar: Teorias e Práticas, PPGE/UFSCarDepartamento de Educação UFSCar
  • Renata Maria Moschen Nascente Linha Educação Escolar: Teorias e Práticas, PPGE/UFSCar

DOI:

https://doi.org/10.14244/198271992392

Resumo

In this text, 12 dissertations and theses are analyzed. They were produced at the subareas Educational Politics/ Management, and Curriculum, which belong to the research line: School education: theories and practices - PPGE-UFSCar, produced within 2013-2017. This period followed the program restructuration in 2010.  Ten dissertations and two theses referring to basic public schools were selected, being grouped in three themes: management, curriculum and teaching. Democracy and justice were pervasive topics in the twelve works. Democracy, recurrent issue in the school and system management productions, even due to legislation, have not been always taken into consideration, mainly regarding school specifics as an institution aimed at to carry out work intrinsically pedagogic. Thought as a cosmovision, democracy may not be understood separately from justice. This implies in conceive democracy at school not only from the formal/institutional angle, directed to the decision making process, its movement and places, following, in reduced scale, the representative democracy used to the political organization of society in general. Think and make democracy implies in living it, teaching it and learning it, in the curricular scope, which involves entering the school culture terrain, and school specific culture, as so to advance beyond administrative/managerial aspects.

Key words: Public schools, Curriculum, Democracy, Justice.

Resumo

Neste texto analisam-se as dissertações e teses produzidas nos eixos Política e gestão da educação e Currículo, da linha Educação escolar: teorias e práticas, do PPGE-UFSCar, defendidas no período de 2013 a 2017, a partir da reestruturação do programa ocorrida em 2010. Foram selecionadas 10 dissertações e as duas teses referentes à escola básica pública que, neste artigo, foram agrupadas em três temáticas: gestão, currículo e ensino. A democracia e a justiça foram temas que perpassaram os 12 trabalhos analisados. A democracia, tema recorrente nas produções acerca da gestão educacional e escolar, até por força da legislação, nem sempre tem levado em conta a especificidade da escola como instituição voltada a realizar um trabalho de natureza eminentemente pedagógica. Pensada como cosmovisão, a democracia não pode prescindir da justiça. Isso implica conceber a democracia na escola não apenas pelo ângulo formal/institucional, voltado ao processo de tomada de decisões, seus momentos e lugares, seguindo, em escala reduzida, o modelo de democracia representativa utilizado para a organização política da sociedade. Pensar e fazer democracia na escola implica vivenciá-la, ensiná-la e aprendê-la em âmbito curricular, o que envolve entrar no terreno da cultura escolar e na cultura da escola, ou seja, avançar para além dos aspectos administrativos/gestionários.

Palavras-chave: Escola pública, Currículo, Democracia, Justiça.

References

BARROSO, João. O estudo da escola. Porto: Porto Editora, 1996, 191 p.

BARROSO, João. Para o desenvolvimento de uma cultura de participação na escola. Lisboa: Instituto de Inovação Educacional, 1995, 32 p.  Disponível em: <http://www.crmariocovas.sp.gov.br> Acesso em: 18 jun. 2015.

BRASIL. Ministério de Educação. Secretaria de Educação Básica. Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Infantil / Secretaria de Educação Básica. Brasília: Ministério da Educação, Secretaria de Educação Básica, 2010. 36 p.

CASTRO, Mariângela Machado de. O conceito de currículo oculto em artigos publicados na biblioteca eletrônica SciElo no período de 2001 a 2015. 2017. 200 p. Dissertação. Mestrado em Educação. Centro de Educação e Ciências Humanas, Universidade Federal de São Carlos, São Carlos/SP, 2017.

CROCIARI, Simone Ribeiro Tempesta. Igualdade, diferença e desigualdade: gênero, raça-etnia e religião no Ensino Fundamental. 2017. 121 p. Dissertação. Mestrado em Educação. Centro de Educação e Ciências Humanas, Universidade Federal de São Carlos, São Carlos/SP, 2017.

DEL MONACO, Graziela. O encontro entre o saber de referência dos estudantes e os conteúdos de Ciências no currículo da Educação de Jovens e Adultos. 2014. 246 p. Tese. Doutorado em Educação. Centro de Educação e Ciências Humanas, Universidade Federal de São Carlos, São Carlos/SP, 2014.

DERISSO, Maria Cecília Cerminaro. Possibilidades do uso de portfólios na aprendizagem da língua materna. 2013. 113 p. Dissertação. Mestrado em Educação. Centro de Educação e Ciências Humanas, Universidade Federal de São Carlos, São Carlos/SP, 2013.

DUBET, François. O que é uma escola justa? Cadernos de Pesquisa, v. 34, n. 123, p. 539-555, set./dez. 2004. Disponível em: < http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0100-15742004000300002&script> Acesso em 14 ago. 2017.

FERRARINI, Maria Cristina Luiz. (Re)pensar as imagens nas práticas escolares. 2014. 135p. Dissertação. Mestrado em Educação. Centro de Educação e Ciências Humanas, Universidade Federal de São Carlos, São Carlos/SP, 2014.

GIMENO SACRISTÁN, José. O que significa o currículo? In ________ (org.). Saberes e incertezas sobre o currículo. Porto Alegre: Penso, 2013, p. 16-35. 542 p.

LIMA, Licínio. A escola como organização educativa. 4.ed. São Paulo: Cortez, 2011, 208 p.

LLAVADOR, Francisco Béltran. Política, poder e controle do currículo. In: GIMENO SACRISTÁN, J. (org.). Saberes e incertezas sobre o currículo. Porto Alegre: Penso, 2013, p. 38-53, 542p.

MARCATO, Célio Tiago. Gestão democrática da escola pública: a participação como princípio da democracia. 2017. 72 p. Dissertação. Mestrado em Educação. Centro de Educação e Ciências Humanas, Universidade Federal de São Carlos, São Carlos/SP, 2017.

NÓVOA, Antonio. Para uma análise das instituições escolares. In: NÓVOA, A. (Org.). As organizações escolares em análise. 3. ed. Lisboa: Dom Quixote/Portuguesa, 1999, p. 15-43, 188 p. 

PUIG, Josep M. et al. Democracia e participação escolar. São Paulo: Moderna, 2000, 215 p.

RAMOS, Renata Pierini. Conselho escolar e gestão democrática: análise da participação dos conselheiros nas escolas municipais de São Carlos. 2013. 87 p. Dissertação. Mestrado em Educação. Centro de Educação e Ciências Humanas, Universidade Federal de São Carlos, São Carlos/SP, 2013.

RIOS, Terezinha Azerêdo. Compreender e ensinar: por uma docência da melhor qualidade. 8. ed., São Paulo: Cortez, 2010, 158 p.

SILVA, Alexandre Rodrigo Nishiwaki da. Gênero e ideias pedagógicas: a masculinidade nos clássicos da educação. 2017. 207 p. Tese. Doutorado em Educação. Centro de Educação e Ciências Humanas, Universidade Federal de São Carlos, São Carlos/SP, 2017.

SILVA, Ketiene Moreira da. Prática pedagógica na educação infantil: análise de artigos publicados em periódicos da área de educação. 2015. 116 p. Dissertação. Mestrado em Educação. Centro de Educação e Ciências Humanas, Universidade Federal de São Carlos, São Carlos/SP, 2015.

SILVA JÚNIOR, Celestino Alves da. Para uma teoria da escola pública no Brasil. Marília: M3T Edições e Treinamento, 2015, 170 p.

SILVEIRA, Caroline Rodrigues. Possíveis relações entre formas de provimento do cargo e percepções de diretores escolares sobre o exercício de suas funções. 2016. 91 p. Dissertação. Mestrado em Educação. Centro de Educação e Ciências Humanas, Universidade Federal de São Carlos, São Carlos/SP, 2016.

SPRESSOLA, Nilmara Helena. Currículo em ação e a temática religiosa na educação infantil: a voz das crianças. 2015. 211 p. Dissertação. Mestrado em Educação.  Centro de Educação e Ciências Humanas, Universidade Federal de São Carlos, São Carlos/SP, 2015.

TORO, José Bernardo. Educación para la democracia. CIVICUS/Funredes, Bogotá, 1999. Disponível em: <https://scholar.google.com/scholar?cluster=6190629558671922318&hl=pt-BR&as_sdt=2005&sciodt=0,5>. Acesso em: 17 mar. 2017.

VELIS, Valéria Aparecida Vieira. Formação de educadores em Rio Claro a partir de uma proposta centrada na escola. 2013. 95 p. Dissertação. Mestrado em Educação. Centro de Educação e Ciências Humanas, Universidade Federal de São Carlos, São Carlos/SP, 2013.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Emilia Freitas de Lima, Linha Educação Escolar: Teorias e Práticas, PPGE/UFSCar

Departamento de Teorias e Práticas Pedagógicas UFSCar

Celso Luiz Aparecido Conti, Linha Educação Escolar: Teorias e Práticas, PPGE/UFSCarDepartamento de Educação UFSCar

Departamento de Educação UFSCar

Renata Maria Moschen Nascente, Linha Educação Escolar: Teorias e Práticas, PPGE/UFSCar

Departamento de Educação UFSCar

Downloads

Publicado

30-11-2017

Como Citar

LIMA, E. F. de; CONTI, C. L. A.; NASCENTE, R. M. M. Gestão, currículo e ensino em análise: por uma escola pública justa e democrática (Management, curriculum and teaching in analysis: towards a fair and democratic school). Revista Eletrônica de Educação, [S. l.], v. 11, n. 3, p. 691–705, 2017. DOI: 10.14244/198271992392. Disponível em: https://www.reveduc.ufscar.br/index.php/reveduc/article/view/2392. Acesso em: 24 jun. 2024.

Edição

Seção

Dossiê Comemorativo - Artigos
##plugins.generic.dates.received## 2017-08-15
##plugins.generic.dates.accepted## 2017-09-18
##plugins.generic.dates.published## 2017-11-30

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>