Interaction in distance learning pedagogy: the views of tutors and students

Autores

  • Erlinda Martins Batista UFMS
  • Shirley Takeco Gobara UFMS

DOI:

https://doi.org/10.14244/198271991610

Resumo

DOI: http://dx.doi.org/10.14244/198271991610

This study shares the results of a survey that sought to analyze the process of interaction in a Virtual Learning Environment – VLE from the perspective of students and tutors of a distance learning course of Pedagogy offered by a Brazilian public university. Based on a critical paradigm and a qualitative methodology, this article presents a discussion on the role of interaction in distance learning courses, from the viewpoints of students and tutors. The participants´ concepts of interaction were analyzed from the dialectic and socio-historical perspective, according to which interaction is established in the social relations and mediated by the educator to promote learning. The results suggest that interaction is characterized as a form of communication that occurs especially in the virtual setting and it is strongly unidirectional and little interactional, as it occurs in only one direction, in this case, from students towards tutors as far as schoolwork is concerned. We conclude that both tutors and students need to reframe the concept of interaction, considered in the study as a process of ‘wholeness’. Within the concept of ‘wholeness’, communication occurs so that the Interacting participant is wholly involved in the communication. Their perception of communication is twofold, simultaneous, that is, they see themselves as whole, both in interaction and in the wholeness process. The dialogs in this process occur in a historical, social and dialectical way. Therefore, we support a process that goes beyond interaction, that is, wholeness to promote effective learning in DE – Distance Education.

Keywords: Distance education, Virtual settings, Interactions, Pedagogy.

Resumo

Este estudo compartilha os resultados de uma pesquisa que buscou analisar o processo de interação em ambiente virtual de aprendizagem – AVA, na visão dos estudantes, professores tutores de um curso de pedagogia a distância de uma instituição pública brasileira. Fundamentado no paradigma crítico e na metodologia qualitativa, este artigo apresenta uma reflexão do papel da interação em cursos a distância a partir de depoimentos dos estudantes e tutores. As concepções de interação desses participantes foram analisadas segundo a perspectiva dialética e sócio-histórica em que a interação se estabelece nas relações sociais, mediadas pelo educador para promover a aprendizagem. Os resultados sugerem que a interação se caracteriza como forma de comunicação realizada principalmente no ambiente virtual pesquisado, com forte caráter unidirecional, pouco interacionista, porque ocorre numa única direção, em particular dos estudantes para a tutoria, a respeito de atividades entregues postadas no ambiente. Concluiu-se que tanto a tutoria quanto os acadêmicos necessitam ressignificar o conceito de interação, considerado no estudo como um processo de inteiração. No conceito de inteiração, a comunicação ocorre de modo que o participante em interação esteja inteiro, completo na comunicação. Sua percepção da comunicação é dupla, simultânea, ele percebe-se inteiro na interação e no processo de inteiração. Os diálogos em tal processo ocorrem de modo histórico, social e dialético. Portanto, defende-se um processo que vai além da interação, isto é, uma inteiração para efetiva aprendizagem na modalidade da Educação a Distância EaD.

Palavras-chave: Educação a distância, Ambientes virtuais, Interações, Pedagogia.

Métricas

Carregando Métricas ...

Downloads

Publicado

25-05-2016

Como Citar

BATISTA, E. M.; GOBARA, S. T. Interaction in distance learning pedagogy: the views of tutors and students. Revista Eletrônica de Educação, [S. l.], v. 10, n. 1, p. 187–204, 2016. DOI: 10.14244/198271991610. Disponível em: https://www.reveduc.ufscar.br/index.php/reveduc/article/view/1610. Acesso em: 15 jun. 2024.

Edição

Seção

Artigos
##plugins.generic.dates.received## 2016-04-01
##plugins.generic.dates.accepted## 2016-04-01
##plugins.generic.dates.published## 2016-05-25

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)