Diferença sexual e religiosa no currículo de ensino religioso em escolas de Recife

Autores

  • Aurenéa Maria de Oliveira Universidade Federal de Pernambuco

DOI:

https://doi.org/10.14244/198271991396

Resumo

This article discusses the results of a post-doctoral research conducted at the Pontifical Catholic University of Parana and funded by Capes (2014-2015). Its main objective was to evaluate the curriculum of the Religious Education discipline (ER), the presence or not of content that addresses sexual and religious differences in state and municipal schools in the city of Recife, state of Pernambuco. To this end, making use of the Discourse Theory (TD), we attempted to find the most relevant hegemonic discourses on the topics researched, seeking the meanings of concepts such as pluralism, citizenship, difference, tolerance, otherness, etc., among our respondents: school administrators, teachers of the discipline, and representatives of the state and municipal departments of education. Discourse Analysis (AD) was used as methodology, giving priority to identify the most current ideologies, in the main hegemonic discourses, in the speeches of the respondents surveyed. Results obtained in a total of 11 schools visited show difficulties in dealing with the themes of sexual difference and sexual diversity in religious education classes; difficulties in addressing the issue of religious pluralism involving non-Christian religions, particularly the African-Brazilian ones, which are neglected especially by evangelical teachers of the Pentecostal and neo-Pentecostal lines, who believe these religions present dangerous values and practices and, therefore, are not likely to be discussed in their classes.

Keywords: Religious education, Curriculum, Sexual and religious difference.

 

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Aurenéa Maria de Oliveira, Universidade Federal de Pernambuco

Aurenéa Maria de Oliveira é licenciada em História pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE/1996), mestre em Ciência Política pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE/2001) e doutora em Sociologia pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE/2006). Atualmente é professora adjunta III da UFPE, Centro de Educação, Departamento de Fundamentos Sócio-Filosóficos da Educação. É também professora permanente do Programa de Pós-Graduação em Educação da UFPE (Núcleo de Teoria e História da Educação) e líder do Grupo de Estudo em Religiosidades, Educação, Memórias e Sexualidades (UFPE) cadastrado no CNPq. É igualmente pesquisadora dos grupos Religiões, Identidades e Diálogos (UNICAP) e do grupo Pós-Estruturalismo, Política e Construção das Identidades (UFPE). É integrante da rede-latinoamericana-em-teoria-do-discurso+unsubscribe@googlegroups.com. Realizou estágio pós-doutoral na PUC-PR em área de concentração Educação, Religião e Sexualidade. Tem experiência no campo da Educação, Sociologia, História e Ciência Política com ênfase nas discussões sobre tolerância/intolerância, inclusão e exclusão social, multiculturalismo e diferença, atuando principalmente nas temáticas que envolvem Educação, Ensino Religioso e Currículo e Educação, Gênero, Sexualidades e Movimentos Sociais. É associada à ANPED (Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação). Trabalha com a metodologia da Análise de Discurso de linha francesa e com a Teoria do Discurso elaborada por Ernesto Laclau.

Downloads

Publicado

25-05-2016

Como Citar

OLIVEIRA, A. M. de. Diferença sexual e religiosa no currículo de ensino religioso em escolas de Recife. Revista Eletrônica de Educação, [S. l.], v. 10, n. 1, p. 128–142, 2016. DOI: 10.14244/198271991396. Disponível em: https://www.reveduc.ufscar.br/index.php/reveduc/article/view/1396. Acesso em: 15 jun. 2024.

Edição

Seção

Artigos
##plugins.generic.dates.received## 2015-08-19
##plugins.generic.dates.accepted## 2016-03-28
##plugins.generic.dates.published## 2016-05-25