Qualificação docente e desenvolvimento regional: um estudo de caso em uma faculdade municipal (Teaching qualification and regional development: a case study in municipal faculty)

Maria Fernanda Diogo, Lucídio Bianchetti

Resumo


This paper aims to understand how the Lato Sensu Postgraduate Courses in the field of Education influence the regional development and the teaching qualification of the graduates of the Municipal Faculty of Palhoça. It is a free and public educational institution, located in the city of Palhoça, state of Santa Catarina, which designed Lato Sensu Postgraduate Courses in the field of Education to respond to the local professionals of Basic Education demands. A qualitative-quantitative field research with alumni of these courses was carried out through an online survey. The data analysis revealed that the Lato Sensu Postgraduate Courses met the expectations of continued education of the majority of the respondents, as the courses focused on useful and updated knowledge, aligned with an ethical and political commitment of social transformation. It was observed that these courses exerted two levels of influence in the local development: a) related to the increase of human capital acting in the Basic Education of the municipality and its surroundings; b) regarding the extension of the professional perspectives of the alumni. In conclusion, Lato Sensu Postgraduate Courses is a privileged space for construction of knowledge, becoming a locus of continuous qualification. Consequently investing in local development through the offer of this modality influences the improvement of education and the living standard of people of that region, activating local potentialities and serving as the basis for an inclusive and sustainable proposal.  

Resumo

Com este texto objetivou-se compreender a influência dos cursos de Pós-Graduação Lato Sensu em Educação no desenvolvimento regional e na qualificação docente dos/as egressos/as da Faculdade Municipal de Palhoça. Esta é uma instituição de ensino pública e gratuita, localizada em Santa Catarina, cujos cursos Lato Sensu em Educação foram planejados para atender às demandas dos profissionais da Educação Básica municipal. Realizou-se uma pesquisa quali-quantitativa, por meio de questionários de acesso on-line aplicados aos/às egressos/as desta especialização profissional. A análise das informações revelou que os cursos supriram as expectativas de formação continuada da maioria dos/as respondentes, abordando conhecimentos úteis e atualizados, alinhados a um compromisso ético e político de transformação social. Observou-se que esses exerceram dois níveis de influência no desenvolvimento regional: a) relacionado ao incremento do capital humano atuante na Educação Básica do município e seu entorno; b) referente à ampliação das perspectivas profissionais dos/as egresso/as. Conclui-se que a Pós-Graduação Lato Sensu é um espaço privilegiado para a construção do conhecimento, tornando-se uma instância de formação continuada. Investir no desenvolvimento regional por meio da oferta desta modalidade de ensino influi na melhoria da educação e padrão de vida das pessoas daquela região, ativando potencialidades locais e servindo de base para uma proposta includente e sustentável.

Palavras-chave: Pós-graduação lato sensu, Desenvolvimento regional, Qualificação docente.

Keywords: Lato Sensu Postgraduate Courses, Regional development, Teaching qualification.

References

BARBOSA, Silvia Helena P. B.; FERNANDES, Maria Cristina da S. G. A teoria do professor reflexivo na formação continuada de professores: discurso vazio de conteúdo. Revista Eletrônica de Educação, v. 12, n. 1, p. 06-19, jan./abr., 2018. Disponível em: http://www.reveduc.ufscar.br/index.php/reveduc/article/view/1744/664. Acesso em: 15.10. 2018.

BARDIN, Laurence. Análise de conteúdo. São Paulo: Martins Fontes, 1979.

BINDÉ, Jérôme. (Coord.). Rumo às sociedades do conhecimento: relatório mundial da UNESCO. Lisboa/Pt; Suzano/Br: UNESCO/Instituto Piaget, 2007.

BRASIL. Resolução n° 01/07, de 8 de junho de 2007. Brasília: Ministério da Educação; Conselho Nacional de Educação; Câmara de Educação Superior, 2007. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/cne/arquivos/pdf/rces001_07.pdf. Acesso em 04.08.2018.

BRASIL. Parecer no 977/65, de 03 de dezembro de 1965.  Brasília: Ministério da Educação, Conselho Federal de Educação. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rbedu/n30/a14n30.pdf. Acesso em 03.03.2018.

BRASIL. Lei no 9.394/96, de 20 de dezembro de 1996. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Brasília, Ministério da Educação, 1996. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/arquivos/pdf/ldb.pdf. Acesso em 07.08.2017.

BRASIL. Política Nacional de Desenvolvimento Regional. Ministério da Integração Nacional, Secretaria de Políticas de Desenvolvimento Regional, Secretaria de Programas Regionais. Brasília, 2005. Disponível em: http://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/faced/article/view/8075/5719. Acesso em: 11.10.2018.

BRASIL. Resolução no 01/01, de 03 de abril de 2001. Brasília: Ministério da Educação; Conselho Nacional de Educação, 2001. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/cne/arquivos/pdf/rces001_07.pdf. Acesso em: 03.03.2018.

CARRION, Eduardo. Pós-Graduação Lato Sensu. Revista Eletrônica Jus navigandi (on-line), 2000. Disponível em: https://jus.com.br/artigos/49/pos-graduacao-lato-sensu. Acesso em 25.09.2018.

DIOGO, Maria Fernanda. Savoir-faire feminino e sua apropriação profissional pelo olhar das relações de gênero. Psicologia Argumento, v. 30, p. 731 - 743, out./dez., 2012. Disponível em: https://periodicos.pucpr.br/index.php/psicologiaargumento/article/view/20561/19809. Acesso em 25.09.2018.

FELDMANN, Marina G. Formação de professores e cotidiano escolar. In: FELDMANN, Marina G. (Org.). Formação de professores e escola na contemporaneidade.  São Paulo: Editora SENAC, 2009, p. 71-80.

FMP. Plano de Desenvolvimento Institucional. Palhoça: Faculdade Municipal de Palhoça, 2017. Disponível em: http://fmpsc.edu.br/wp-content/uploads/2017/04/PDI-FMP-2013-2017.pdf. Acesso em 10.03.2018.

FONSECA, Dirce M. da. Contribuições ao debate da Pós-Graduação Lato Sensu. Revista Brasileira de Pós-Graduação, v. 1, n. 2, p. 173-182, nov., 2004. Disponível em: http://ojs.rbpg.capes.gov.br/index.php/rbpg/article/view/47/44. Acesso em 07.08.2018.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Paz e Terra, 1996.

GATTI. Bernadete. Análise das políticas públicas para formação continuada no Brasil, na última década. Revista Brasileira de Educação, v. 13, n. 37, p. 57-17, jan./abr., 2008. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rbedu/v13n37/06.pdf. Acesso em: 11.10.2018.

GIROUX, Henry. Os professores como intelectuais: rumo a uma pedagogia crítica da aprendizagem. Porto Alegre: Artes Médicas, 1997.

GOMES, Cândido A. Pós-Graduação Lato Sensu: terra de ninguém? INFOCAPES. v. 7, n. 2, p. 04-18, abril/jun., 1999. Disponível em: https://www.capes.gov.br/images/stories/download/bolsas/Info2_99.pdf. Acesso em: 11.10.2018.

GUIMARÃES, Nádia. Qualificação como relação social. In: PEREIRA, Isabel Brasil; LIMA, Júlio César França. Dicionário da educação profissional em saúde. 2. ed. Rio de Janeiro: EPSJV, 2008. Disponível em http://www.sites.epsjv.fiocruz.br/dicionario/Dicionario2.pdf. Acesso em. 15.10.2018.

LIBÂNEO, José Carlos. Reflexividade e formação de professores: outra oscilação do pensamento pedagógico brasileiro? In: PIMENTA, Selma G.; GHEDIN, Evandro (Orgs.). Professor reflexivo no Brasil: gênese da crítica a um conceito. 7. ed. São Paulo: Cortez, 2012, p. 63-93.

LIBÂNEO, José Carlos; PIMENTA, Selma G. Formação de profissionais da educação: visão crítica e perspectiva de mudança. Educação & Sociedade, ano XX, n. 68, p. 239-277, dez., 1999. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/es/v20n68/a13v2068.pdf. Acesso em: 11.10.2018.

MARCELO, Carlos. Desenvolvimento Profissional Docente: passado e futuro. Sísifo, n. 8, p. 07-22, jan./abr., 2009. Disponível em: http://www.unitau.br/files/arquivos/category_1/MARCELO_Desenvolvimento_Profissional_Docente_passado_e_futuro_1386180263.pdf. Acesso em: 11.10.2018.

MOROSINI, Marília C. A Pós-graduação no Brasil: formação e desafios. Revista Argentina de Educación Superior. Ano 1, n. 1, nov., 2009.  Disponível em: www.riseu.unam.mx/documentos/acervo_documental/txtid0070.pdf. Acesso em 07.08.2018.

OLIVEIRA, Adriano de; BIANCHETTI, Lucídio. Documentos de política científica e educacional: convergências em torno da Educação Básica. Revista Brasileira de Política e Administração da Educação, v. 33, n. 1, p. 151 - 166, jan./abr., 2017. Disponível em: http://seer.ufrgs.br/index.php/rbpae/article/view/68640/41190. Acesso em: 10.03.2018.

PILATTI, Orlando. Especialização: falácia ou conhecimento aprofundado? Revista Brasileira de Pós-Graduação, v. 3, n. 5, p. 7-26, jun., 2006. Disponível em: http://ojs.rbpg.capes.gov.br/index.php/rbpg/article/view/93/89. Acesso em 07.03.2018.

PIMENTA, Selma G. Professor reflexivo: construindo uma crítica. In: PIMENTA, Selma G.; GHEDIN, Evandro (Orgs.). Professor reflexivo no Brasil: gênese da crítica a um conceito. 7. ed. São Paulo: Cortez, 2012, p. 20-62.

PROTETTI, Fernando Henrique. Burocracia e Pós-Graduação Lato Sensu na Unesp: os cursos de especialização na área de Educação (1999-2010). 2010. 219 fl. Dissertação (Mestrado em Educação). Faculdade de Ciências e Letras. Universidade Estadual Paulista, Campus de Araraquara, 2010. Disponível em: http://base.repositorio.unesp.br/handle/11449/90166?locale-attribute=es. Acesso em: 25.09.2018.

REGO, Maria da Conceição; CALEIRO, António. Em torno do contributo das instituições de Ensino Superior para a dinâmica regional de crescimento econômico. Desenvolvimento Regional em Debate. Mafra/SC, ano 2, n. 2, dez., 2012. Disponível em: http://www.periodicos.unc.br/index.php/drd/article/view/254/301. Acesso em 22.04.2018.

SAVIANI, Demerval. A Pós-Graduação em educação no Brasil: pensando o problema da orientação. In: BIANCHETTI, Lucídio; MACHADO, Ana Maria N. (Orgs.). A bússola do escrever. 2. ed. Florianópolis: Editora da UFSC; São Paulo: Cortez, 2006, p. 135-163.

SAVIANI, Demerval. Formação de professores no Brasil: dilemas e perspectivas.  Poíesis Pedagógica, v. 9, n. 1, jan./jun., p. 07-19, 2011. Disponível em: http://www.revistas.ufg.br/index.php/poiesis/article/view/15667. Acesso em 07.10.2018.

SEPÚLVEDA, Sérgio. Desenvolvimento microrregional sustentável: métodos para planejamento local. Brasília: IICA, 2005. Disponível em: http://www.iicabr.iica.org.br/wp-content/uploads/2014/03/Desenvolvimento-Sustentavel-Microrregional.pdf. Acesso em 08.10.2018.

SILVA, Carolina; PEREIRA, Fabio Henrique; RODRIGUES, Joici Lilian; PEREIRA, Mariah Terezinha N.; MEDEIROS, Maristela V. Universidade e compromisso social: o impacto cultural, econômico e social promovido pela Faculdade Municipal de Palhoça. Revista Gestão Universitária na América Latina, v. 5, n. 4, p. 253-265, 2012. Disponível em: file:///C:/Users/ACER/Downloads/27532-90661-2-PB.pdf. Acesso em 08.10.2018.

TARDIF, Maurice. Saberes docentes e formação profissional. 9. ed. Petrópolis: Vozes, 2008.

VIEIRA, Edson T.; SANTOS, Moacir J. dos. Desenvolvimento econômico regional – uma revisão histórica e teórica. Revista Brasileira de Gestão e Desenvolvimento Regional. v. 8, n. 2, p. 344-369, maio-ago., 2012. Disponível em: http://www.rbgdr.net/revista/index.php/rbgdr/article/view/679/296. Acesso em 10.03.2018.

e3097076


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.14244/198271993097

____________

Propriedade Intelectual

Revista Eletrônica de Educação adota a licença Creative Commons BY-NC do tipo "Atribuição Não Comercial".

Essa licença permite, exceto onde está identificado, que o usuário final remixe, adapte e crie a partir do seu trabalho para fins não comerciais, sob a condição de atribuir o devido crédito e da forma especificada pelo autor ou licenciante.

Para mais informações, consultar: https://br.creativecommons.org/

____________

REVISTA ELETRÔNICA DE EDUCAÇÃO. São Carlos (SP): Universidade Federal de São Carlos, Programa de Pós-Graduação em Educação, 2007- . Publicação contínua. ISSN 1982-7199. Disponível em: http://www.reveduc.ufscar.br